Notícias

Demuttran promove ciclo de palestras em escolas de Muriaé

Publicado em 27/11/2018 às 14h40
Órgão da Prefeitura levou conhecimentos sobre trânsito para alunos durante Semana de Educação para a Vida
 
Em comemoração à Semana de Educação para a Vida desenvolvida em escolas da rede estadual, a equipe do Departamento Municipal de Transportes e Trânsito de Muriaé (Demuttran) realizou, ao longo da última semana, uma série de palestras em diversas instituições da cidade. Os encontros tiveram o objetivo de despertar nos estudantes, desde pequenos, a conscientização para os assuntos pertinentes à educação no trânsito.
 
As atividades tiveram início na segunda-feira (19), pela Escola Estadual João Alves Bittencourt Sobrinho, no distrito de Bom Jesus da Cachoeira, onde também foi promovida a campanha “E Se Fosse Uma Blitz?” (ver mais informações abaixo). De quarta até sexta-feira, foi a vez das escolas Professor Gonçalves Couto (Porto), Doutor Olavo Tostes (Barra) e Julieta de Oliveira Macedo (Planalto), todas da rede estadual, receberem a iniciativa.
 
As palestras foram direcionadas para turmas dos ensinos Fundamental e Médio. Com abordagem mais leve e didática, a primeira turma recebeu orientações da chefe do Serviço de Apoio Administrativo do Demuttran, Kézia Magalhães; já as classes mais avançadas ficaram sob a responsabilidade do chefe de Análise e Estatísticas de Trânsito do departamento, Jackson Fernandes.
 
“Para esses alunos, que já estão se aproximando da idade de dirigir, procuramos mostrar os riscos gerados pela imprudência ao volante, apresentando informações e registros de acidentes ocorridos na região de Muriaé”, conta Jackson.
 
Campanha alerta para infrações de trânsito
No primeiro dia do ciclo de palestras, a equipe do Demuttran também levou para o distrito de Bom Jesus da Cachoeira a campanha educativa “E Se Fosse Uma Blitz?”. Durante cerca de duas horas, alunos da Escola Estadual João Alves Bittencourt Sobrinho observaram o movimento de veículos na região da Praça da Matriz, realizando a contagem de infrações cometidas pelos motoristas.
 
Ao todo, nos 99 veículos (carros e motos) que passaram pelo local durante o período, foram contabilizadas 113 irregularidades. A mais frequente foi a não utilização do cinto de segurança, verificada em 44 situações.
 
Motociclistas com viseira do capacete levantada (36) ou que não utilizavam calçado adequado para pilotar (27) também chamaram a atenção. Também foram registradas cinco ocorrências de transporte de crianças sem uso da cadeirinha especial, além de uma de utilização de aparelho celular ao volante.

 

Categoria: Muriaé
Comentários (0) e Compartilhar

Curso Navegue com Segurança forma mais 35 pessoas em Muriaé

Publicado em 27/11/2018 às 08h36

Iniciativa apresentou aos alunos novas tecnologias dos smartphones, acesso às redes sociais e aplicativos

Mais 35 pessoas se formaram no Curso Navegue com Segurança, oferecido pela Universidade Aberta e Integrada de Minas Gerais (Uaitec Lab). O curso apresentou as novas tecnologias dos smartphones, o acesso às redes sociais e aplicativos para pessoas da terceira idade e adultos de Muriaé. A entrega dos certificados aconteceu na tarde de segunda-feira (26), no Teatro Zaccaria Marques.

Durante três meses, os alunos aprenderam a, por exemplo, baixar o Facebook no celular, buscar figuras e imagens para colocar na rede e a responder aos comentários recebidos. Também foi ensinado aos participantes a criar um perfil no WhatsApp, a acessar contatos do telefone e as formas de comunicação, além de informações sobre o Google e o YouTube.

“Participar deste curso foi muito bom. Aprendi a utilizar melhor o celular e fiz muitas amizades. Agora consigo também acessar jogos no computador”, conta o aposentado Luiz Cláudio Longhi, de 80 anos.

Em Muriaé, a Uaitec Lab funciona por meio de parceria com a Prefeitura. “Parabenizo todos os formandos por mais esta conquista. Desejo que façam bom uso desta ferramenta. Caso tenham interesse, a Uaitec Lab está aberta para que vocês possam fazer outros cursos disponibilizados pelo polo”, afirma o prefeito Grego. 

Categoria: Muriaé
Comentários (0) e Compartilhar

Vigilância Sanitária amplia serviços em Muriaé

Publicado em 27/11/2018 às 08h17

Órgão assumiu fiscalização de todas atividades de interesse da saúde, possibilitando que procedimentos sejam realizados no município

O campo de atuação da Vigilância Sanitária foi ampliado em Muriaé. O setor assumiu também a fiscalização dos estabelecimentos de alta complexidade, gerando mais facilidade e agilidade no acesso aos serviços públicos.

Por meio de termo de compromisso firmado em fevereiro de 2017, a Secretaria Municipal de Saúde, à qual a Vigilância Sanitária está vinculada, assumiu a atribuição de executar, acompanhar e avaliar o Programa de Monitoramento das Ações de Vigilância em Saúde, gerando, desta forma, mais rapidez no atendimento às demandas.

Antes deste pacto, os fiscalizados – ou seja, empresas e estabelecimentos - para se licenciarem quanto à parte sanitária teriam que acionar a Gerência Regional de Saúde de Ubá, recolher as taxas e encaminhá-las pelos Correios ou entregá-las pessoalmente naquela cidade.

“A grande vantagem da Vigilância Sanitária de Muriaé ter assumido a fiscalização de todos os tipos de atividades de interesse da saúde, é a possibilidade de tudo ser resolvido dentro do próprio município, o que facilita e agiliza todo o processo de licenciamento sanitário dos estabelecimentos sujeitos a este procedimento”, afirma o coordenador do órgão, Sylvio Amaral.

Após a pactuação, o município passou a fiscalizar serviços de alta complexidade como banco de células e tecidos germinativos, banco de tecidos oculares, indústria de produtos para saúde e de grande porte, laboratório de ensaios clínicos, serviço de nutrição enteral, entre outros.

Além disso, o órgão fiscaliza ainda serviços de média e baixa complexidade e denúncias do Departamento Geral de Ouvidoria do SUS, Ouvidoria Geral do Município e do Ministério Publico de Minas Gerais, que envolvem questões de cunho sanitário, como criações de galinhas, porcos, bois, cavalos e outros animais em perímetro urbano, imóveis com quintais sujos, acúmulo de lixo e entulhos, entre outros. 

Denúncias - A Vigilância Sanitária de Muriaé está localizada Rua Vereador José Messias, 65, Santo Antônio (antiga Amiu). O atendimento ao público é realizado de segunda a sexta-feira, das 7h às 11h e das 13h às 16h. As denúncias podem ser feitas presencialmente ou pelo telefone (32) 3721-8838.

 

A Vigilância Sanitária - Como órgão fiscalizador, a Agência Municipal de Vigilância Sanitária tem a função de prevenir o consumidor quanto a riscos sanitários, atuando na retirada de circulação de produtos impróprios para consumo, como itens vencidos, adulterados, sem procedência e condenados pela Agência nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa).

Suas ações são capazes de eliminar, diminuir ou prevenir riscos à saúde e de intervir nos problemas sanitários decorrentes do meio ambiente, da produção e circulação de bens e da prestação de serviços de interesse da saúde, ao fiscalizar as boas praticas higiênicas das padarias, restaurantes, lanchonetes, bares, supermercados, sorveterias, hotéis, asilos, hospitais, clínicas médicas, consultórios odontológicos, entre outros estabelecimentos comerciais.

Lista de atividades realizadas pela Vigilância Sanitária

 

Confira as atividades de alta complexidade fiscalizadas pela Vigilância Sanitária de Muriaé:

Banco de células e tecidos germinativos (BCTG)

Banco de tecidos oculares (BTOC)  

Central de notificação, captação e distribuição de órgão (CNCDO)          

Centro de Tecnologia Celular            

Hospital e Hospital Dia que requerem a permanência do paciente por período até 24 horas            

Indústria de alimentos de grande porte

 Indústria de cosméticos, produtos de higiene e perfumes  

Indústria de produtos para saúde      

Indústria de saneantes e domissanitários     

Laboratório de ensaios clínicos        

Serviço de nutrição enteral   

 

Confira as atividades de média e baixa complexidade fiscalizadas pela Vigilância Sanitária de Muriaé:

Ambulância de suporte básico

Atividades de Podologia         

Banco de leite humano         

Centro de Atenção Psicossocial – CAPS     

Clínica com recursos para procedimentos invasivos e/ou agressivos (que requerem internação/observação por período de até 12 horas, sem pernoite)

Comunidade terapêutica       

Cozinha Industrial (mais de 750 refeições diárias)  

Estabelecimento prestador de serviços de atividades funerárias e congêneres       

Farmácia        

Hospital veterinário  

Serviço de diagnóstico por imagem e gráficos        

Instituto Médico-Legal         

Laboratório de análises clínicas       

Laboratório de anatomia patológica e citológica     

Posto de coleta de amostras clínicas

Posto de medicamentos        

Serviço de atenção domiciliar/Home Care   

Serviço de diagnóstico gráficos (ECG, EEG e outros exames análogos)   

Serviço de endoscopia gastrointestinal          

Serviço de litotripsia

Serviço de vacinação e imunização humana            

Unidade de processamento de roupas de serviços de saúde autônoma       

UTI móvel

Açougue        

Ambulância de transporte

Armazenadora de cosméticos, insumos de cosméticos e produtos de higiene e perfumes

Armazenadora de medicamentos e insumos farmacêuticos

Armazenadora de produtos para saúde        

Armazenadora de saneantes e insumos de saneantes          

Bufê (mais de 750 refeições diárias)

Cantina (mais de 750 refeições diárias)       

Clínica de estética que realiza procedimentos sob responsabilidade médica         

Consultório odontológico     

Consultório profissional de saúde (que realize procedimentos invasivos e/ou agressivos)

Cozinha industrial (menos de 750 refeições diárias)           

Distribuidora de alimentos (comercialização, fracionamento ou acondicionamento de alimentos)      

Distribuidora de cosméticos, produtos de higiene e perfumes        

Distribuidora de produtos para saúde 

Distribuidora de saneantes e domissanitários

Drogaria/Farmácia para Todos

Exportadora de cosméticos, insumos de cosméticos e produtos de higiene e perfumes    

Exportadora de medicamentos e insumos farmacêuticos    

Exportadora de produtos para saúde

Exportadora de saneantes e domissanitários e insumos de saneantes         

Hipermercado

Importadora de cosméticos, insumos de cosméticos e produtos de higiene e perfumes    

Importadora de medicamentos e insumos farmacêuticos    

Importadora de produtos para saúde

Importadora de saneantes, domissanitários e insumos de saneantes           

Indústria de alimentos (agricultura familiar ou produtor rural)       

Indústria de alimentos (microempresa, empresa de pequeno e médio porte conforme os critérios da RDC 222/2006-ANVISA)         

Indústria de embalagens de alimentos (fabricação de embalagens de material plástico)   

Indústria de embalagens de alimentos (fabricação de embalagens de vidro)         

Indústria de embalagens de alimentos (fabricação de embalagens metálicas)       

Indústria de embalagens de alimentos (fabricação de produtos cerâmicos refratários)     

Instituição de Longa Permanência para Idosos – ILPI        

Laboratório de controle de qualidade (Laboratório analítico)         

Padaria           

Peixaria           

Restaurante (mais de 750 refeições diárias e também com menos de 750 refeições diárias)            

Serviço ambulatorial de Atenção Primária (Posto de Saúde, Unidade Básica de Saúde, Policlínica e similares)         

Serviço de acupuntura          

Serviço de controle de pragas           

Serviço de fisioterapia            

Serviço de laboratório óptico           

Serviço de limpeza (para estabelecimento de saúde)

Serviço de piercing e tatuagem

Supermercado

Transportadora de alimentos (exceto de origem animal)

Transportadora de cosméticos, produtos de higiene e perfumes

Transportadora de medicamentos e insumos farmacêuticos

Transportadora de produtos para saúde        

Transportadora de saneantes e domissanitários       

Unidade prisional      

Academia de ginástica          

Albergue        

Associação de Pais e Amigos dos Excepcionais (Apae)

Atividades de sauna e banhos           

Bar     

Barbearia       

Bufê (menos de 750 refeições diárias)         

Camping        

Cantina (menos de 750 refeições diárias)    

Casa de apoio

Centro de convivência          

Clínica de estética que não realiza procedimento sob responsabilidade médica    

Clube recreativo e esportivo

Comércio de artigos funerários        

Comércio varejista de alimentos      

Comércio varejista de produtos de higiene, perfumes e cosméticos           

Comércio varejista de produtos para saúde  

Comércio varejista de saneantes      

Consultório dos demais profissionais de saúde       

Consultório médico   

Creche             

Distribuidora de alimentos (sem manipulação de produto)

Distribuidora de embalagens de alimentos  

Ervanaria       

Estabelecimento de ensino   

Hotel (Hotel Fazenda, Pousada)       

Lanchonete    

Lavanderia não hospitalar     

Local com fins de lazer (com comercialização de alimentos)        

Mercado        

Motel

Orfanato        

Ótica  

Pensão           

Salão de beleza         

Serviço ambulante de alimentação   

Serviço de práticas integrativas e complementares

Serviço de prótese odontológica      

Serviço de sepultamento (Cemitério)           

Serviço médico-veterinário    

Tabacaria (com comercialização de alimentos, cosméticos, saneantes ou produtos para saúde)

Terminal aeroviário, ferroviário e rodoviário          

Tinturaria (prestadora de serviço para estabelecimentos de saúde)

Velório          

 

 

 

%MCEPASTEBIN%

Categoria: Muriaé
Comentários (0) e Compartilhar

UNIFAMINAS abraça a ação ‘Papai Noel dos Correios’

Publicado em 26/11/2018 às 15h29

O Centro Universitário UNIFAMINAS  está realizando a campanha UNIFAMINAS Solidário, onde os colaboradores estão se unindo neste final de ano para abraçar a ação ‘Papai Noel dos Correios’ que acontece há 29 anos no Brasil e que tem como objetivo presentear, realizando o sonho de crianças das escolas públicas da nossa cidade.

Na foto a colaboradora do Gestão de Pessoas, Raphaela Alves, representando o UNIFAMINAS ao lado do Gerente de Agência Milton Cézar da Silva e sua equipe dos Correios do centro para a retirada das cartas.

O objetivo é incentivar um número cada vez maior de pessoas e empresas da cidade e região a participarem desta ação promovida pelos Correios, levando esperança e sorrisos, mudando o natal de centenas de crianças, explica a colaboradora.

Categoria: Muriaé
Comentários (0) e Compartilhar

Solenidade marca encerramento do ano de instrução do Tiro de Guerra

Publicado em 26/11/2018 às 15h05

Órgão formou neste ano cerca de cem atiradores para reserva do Exército; formatura aconteceu no sábado, no TG

O Tiro de Guerra 04-016 formou em Muriaé, em 2018, cerca de cem atiradores para a reserva não remunerada do Exército Brasileiro. A solenidade de encerramento do ano de instrução aconteceu no último sábado (24), na sede do TG, na Barra. Neste período, os jovens passaram por formação cívica e militar, aprendendo noções de hierarquia e disciplina.

Durante a cerimônia, os atiradores fizeram o juramento e prestaram continência individual à Bandeira. Houve também a entrega de diplomas e certificados àqueles que se destacaram nas atividades de instrução, assim como uma homenagem de “Praça Mais Distinta” de 2018 ao atirador Jhonatas Sobrinho Domingos, falecido em outubro deste ano, vítima de afogamento no Espírito Santo.

A solenidade foi marcada ainda pela homenagem e despedida ao subtenente Ednei Valle, que após três anos atuando no TG 04-016, foi transferido para unidade militar do Exército em Caçapava (SP).

“O TG nos ensina a valorizar a nossa pátria e a defendê-la com garra. Aqui se aprende a cumprir com diligência o dever. Além disso, aprendemos sobre cidadania, disciplina e hierarquia”, conta o cabo atirador e destaque da Ordem Unida da turma de 2018, Carlos Eduardo da Silva.

Ao longo do ano, os jovens receberam treinamento militar como aulas de tiro, ordem unida, atividade física, participaram de acampamentos, entre outros. “O maior objetivo do TG 04016 é formar combatentes básicos da força terrestre e também contribuir para a formação de cidadãos de Muriaé. Desejo que os atiradores tenham muito sucesso na vida civil”, diz o instrutor-chefe, subtenente Firmino.

 

O TG de Muriaé - Funcionando na cidade em parceria com a Prefeitura, o Tiro de Guerra 04-016 é um dos mais antigos de Minas Gerais em atividades ininterruptas. Criado em 1946, é uma organização militar de formação do Exército, que tem como missão formar atiradores para a reserva não remunerada da Força Armada e, principalmente, transmitir aos jovens valores como civismo e patriotismo, além de virtudes como lealdade, camaradagem, disciplina, coragem, dedicação e autoconfiança.

 

Categoria: Muriaé
Comentários (0) e Compartilhar

Drone reduz em 50% tempo de transporte de órgãos para transplante

Publicado em 25/11/2018 às 08h55

Drone para salvar vidas. Pesquisadores norte-americanos conseguiram demonstrar, pela primeira vez, que o equipamento é uma boa opção no transporte de órgãos para transplante, principalmente em grandes cidades afetadas pelos congestionamentos. Com o equipamento, os especialistas da Escola de Medicina da Universidade de Maryland gastaram a metade do tempo que levaria o transporte em vôos comerciais, por exemplo, que têm uma logística complicada. “Você pode mover um órgão do ponto A para o ponto B, reduzindo entre 50% e 70% o tempo do explante até o implante, dependendo da distância e da velocidade”, disse Joseph R. Scalea, professor-assistente e cirurgião de transplantes na Universidade de Maryland, em Baltimore.

 

O especialista acredita que, ao reduzir o tempo dos órgãos na viagem, o transporte por drones vai aumentar a qualidade dos transplantes. “Nós acreditamos que isso pode acrescentar milhares de anos de vida ao sistema. Esse é o objetivo”, afirma.

O coordenador de transplante de intestino e multivisceral do Hospital Israelita Albert Einstein, Sérgio Meira, em São Paulo, acredita que os drones têm potencial para ajudar na logística dentro de grandes centros urbanos, como São Paulo. “Nós estamos no Einstein. Se aparece um doador no Santa Marcelina, na Zona Leste, são duas horas e meia de trânsito na hora do rush”, disse.

O especialista conta que a logística é ponto fundamental nas redes de transplantes porque os órgãos têm um tempo máximo de sobrevida sem circulação de sangue. Em muitos casos, órgãos são perdidos pela impossibilidade de transporte. “Existe um acordo com a aviação comercial para o transporte de órgãos, mas é preciso casar o horário da retirada do doador com os voos, o que nem sempre é possível, explicou Meira.

O teste

No experimento feito nos EUA, a equipe de Scalea fez pequenas modificações no drone comercial DJI Matrice 600, com seis motores e capacidade para carregar até 6 kg. Originalmente, o drone carrega uma câmera, mas ela foi substituída por uma caixa especialmente projetada para este fim, batizada como Human Organ Monitoring and Quality Assurance Apparatus for Long-Distance Travel- aparato de monitoramento de órgãos humanos e garantia de qualidade para viagens de longa distância.

Ela monitora a temperatura, a pressão, a altitude, a vibração e a localização por GPS durante o transporte. Em março, eles receberam um rim, que não estava saudável para um transplante, mas serviria para a pesquisa. Antes, ele passou por uma biópsia para que a condição pudesse ser comparada com exames posteriores. Foram 14 voos, que demoraram 1 hora e 2 minutos, sendo o mais longo de cinco quilômetros, para simular a transporte entre dois hospitais numa mesma cidade.

Vantagens

Durante todos os voos a temperatura dentro da caixa se manteve estável, e a variação média da pressão foi de 0,69 quilopascal.

O que chamou atenção foi a vibração, menor que nos métodos atuais de transporte. Na biópsia posterior ao experimento, o órgão não apresentou alterações. “A distância é limitada pela legislação, que exige que o drone esteja no campo de visão do piloto, entretanto, eu prevejo um futuro de drones para o transporte de órgãos de longo alcance, com mais de mil milhas de autonomia. Esses drones ainda estão na infância, mas vamos começar a ouvir falar deles em breve”, explicou Scalea.

Desperdício

A estimativa é que nos EUA 20% dos rins para transplante sejam descartados, mas uma boa parcela deles poderia ser aproveitada se a logística fosse aprimorada. Com essa base, os pesquisadores estimam que cerca de 2,7 mil rins a mais poderiam ser transplantados por anos.

Sobre o tempo, os cientistas calculam que, com novas tecnologias, será possível transportar um órgão de Los Angeles a Baltimore, distantes 4,2 mil quilômetros, em 7,5 horas. De Nova York a Baltimore, 310 quilômetros, a viagem levará apenas 33 minutos. Hoje, a média dos transportes de órgãos é de 16h a 18h, incluindo trajetos dentro da mesma cidade.

Scalea e sua equipe agora querem ampliar os estudos para outros órgãos e, talvez, aplicar a tecnologia para situações reais. “Nós sabemos que essa tecnologia pode ajudar pacientes, por isso continuamos indo em frente mesmo sabendo que questões regulatórias ainda precisam ser resolvidas. Nós estamos avançando rápido nos esforços de oferecer aos pacientes órgãos melhores, de forma mais eficiente. Fique ligado, que mostraremos novos dados em 2019, prometeu.

Com informações de OGlobo

Fonte: Só Boa Notícia

Categoria: Geral
Comentários (0) e Compartilhar

I Moto Rock de Pirapanema reunirá motociclistas e bandas no dia 1º

Publicado em 23/11/2018 às 17h38

Evento contará também com Beer Truck, Food Truck, comida mineira, artesãos e tatuadores

O I Moto Rock de Pirapanema será realizado no próximo sábado (1º), a partir das 15h, na Praça Agostinho Gomes Pedrosa. O encontro reunirá motociclistas de toda a região para um dia de lazer e entretenimento, acompanhado de várias bandas de rock, Beer Truck, Food Truck, cerveja artesanal, restaurantes com comida mineira, artesãos e tatuadores. O evento, que recebe o apoio da Prefeitura, por meio da Fundarte, tem a finalidade de confraternizar, estreitar conhecimento entre pessoas e multiplicar as atividades de lazer na região.

Os shows iniciam a partir das 15 horas com as bandas de rock Lost Highway (Tributo a Bon Jovi), Alenha Rock Band, Queima de Arquivo, Olaria Harmônica e Backlands. Segundo informações de uma das organizadoras do evento, Mirian Silva, o Moto Rock “será um dos melhores eventos motociclísticos da Zona da Mata Mineira”. “O grande encontro será realizado em uma região montanhosa, localizada na Serra do Brigadeiro. Um local de clima ameno e suave, com estrutura de camping gratuita para todos os participantes e suas famílias. A festa é aberta todos os muriaeenses que queiram participar”, informou.

O Moto Rock de Pirapanema seguirá as regras da campanha “Zoeira? Tô fora!”, um movimento que surgiu do anseio de se preservar a tradição de encontros para motociclistas.O objetivo da campanha é proibir e coibir o excesso de barulho, zelando pela escolha de um camping em local seguro, respeitando o silêncio necessário para o descanso dos participantes e suas famílias, evitando as acelerações de motocicletas, desordem, falta de respeito, entre outros. O evento é realizado pela Associação Esportiva Pirapanemense - EPA, sob direção de Jader Pedrosa, em parceria com os motoclubes 5ª Coluna, Rotarockers e Beduínos.

 

Serviço

I Moto Rock de Pirapanema:

Data: 1º de dezembro (sábado)

Local: distrito de Pirapanema

Interessados em participar devem ligar para (32) 98859-3396 (Miriam) ou acessar a página do Facebookhttps://www.facebook.com/events/293087234631192/

Categoria: Muriaé
Comentários (0) e Compartilhar

Programa vai aprimorar cuidado com pacientes da rede municipal

Publicado em 23/11/2018 às 17h28

Médicos da Estratégia Saúde da Família estão participando de oficinas de capacitação voltados para promoção da saúde dos muriaeenses

Um projeto da Secretaria de Saúde de Muriaé/Núcleo de Educação Permanente, em parceria com a Faculdade de Medicina do Centro Universitário Unifaminas, está promovendo encontros de capacitação com médicos, cujo objetivo é aprimorar o cuidado às pessoas que utilizam as Unidades Básicas de Saúde (UBS’s) da cidade. Na tarde da última segunda-feira (19), os especialistas participaram da oficina Medicina da Família e Comunidade, que abordou sobre gestão da clínica.

O Programa de Melhoria da Resolutividade da ESF leva especialistas para, em ambiente de compartilhamento de saberes e práticas em cuidados à saúde, aperfeiçoarem conhecimentos, desenvolverem estratégias e criarem condições que facilitem o acesso e os cuidados em saúde para os usuários do SUS na cidade.

O encontro de segunda-feira foi o primeiro módulo do programa, que contará ainda com outras oficinas de capacitação com temas variados, sempre voltados para promoção, proteção, prevenção e recuperação da saúde dos pacientes das unidades de saúde.

Nesta primeira oficina, a médica Miriam Santana, mestre pela Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG) e professora da Faculdade de Medicina da Universidade Federal de Viçosa (UFV), apresentou os conhecimentos mais recentes e as evidências médicas mais adequadas para se organizar os serviços de Atenção Primaria, especialmente a Estratégia Saúde da Família.

Também foram listados pontos e dados a serem levantados pelos participantes em seu ambiente de trabalho, para que no próximo encontro, marcado para 17 de dezembro, o grupo possa discutir sobre as informações, avaliar possibilidades de ações que contribuam para melhorar o acesso das pessoas aos serviços de saúde, com a elaboração de agenda compartilhada para toda a equipe que compõe a ESF. “Estamos fazendo tudo em prol do usuário, que terá melhor acesso, com mais humanização no acolhimento e nos cuidados em saúde”, afirma o coordenador do Núcleo de Atenção Primária à Saúde do Unifaminas, o ginecologista e obstetra Richard Duvanel Rodrigues.

 

Categoria: Muriaé
Comentários (0) e Compartilhar

Cursos de qualificação profissional chegam a mais dois distritos de Muriaé

Publicado em 23/11/2018 às 17h02

Moradores de Itamuri e Boa Família contam com auxílio de monitores locais para acessar plataforma da Uaitec Lab

Os moradores de mais dois distritos de Muriaé podem ter acesso facilitado a cursos online oferecidos pela Universidade Aberta Integrada de Minas Gerais (Uaitec Lab). Alunos da Escola Estadual Temístocles Eutrópio, em Boa Família, e da Escola Estadual Coronel Francisco Gomes Campos, em Itamuri, foram capacitados como monitores, podendo auxiliar outras pessoas na utilização da plataforma virtual da instituição.

Intitulada “Trem da Juventude”, a iniciativa inédita no estado tem o objetivo de promover qualificação profissional e inclusão digital dos interessados em participar dos cursos, evitando que tenham que se deslocar à unidade da Uaitec Lab, na Barra. Em Muriaé, a ação é articulada pelo Programa Acessuas Trabalho e pela Uaitec Lab,  promovidos pela Prefeitura de Muriaé.

Os moradores desses distritos que tiverem interesse em se inscrever em cursos e ter auxílio dos monitores podem procurar as duas escolas estaduais - Temístocles Eutrópio (em Boa Família) e Coronel Francisco Gomes Campos (em Itamuri).

 

Projeto contempla três distritos - Este é o terceiro distrito de Muriaé a receber o projeto. O primeiro foi o de Macuco, quando, em maio deste ano, cinco alunos da Escola Estadual Capitão Roberto José Ferreira foram capacitados como monitores.

Categoria: Muriaé
Comentários (0) e Compartilhar

Casa Lar recebe recursos arrecadados em Feijoada beneficente

Publicado em 23/11/2018 às 15h42

Quantia será destinada para proporcionar lazer e bem-estar às crianças e adolescentes acolhidos pela instituição

A Casa Lar recebeu os recursos arrecadados durante a segunda edição da Feijoada “Amigos do Bem”. A quantia será utilizada para proporcionar lazer e bem-estar às crianças e aos adolescentes acolhidos pela instituição. Organizado pelo Grupo Mães que Oram pelos Filhos do bairro São Francisco, com apoio de empresários e entidades de Muriaé, o evento aconteceu no último domingo (19), na AABB, reunindo cerca de 280 pessoas em uma tarde solidária.

A programação incluiu shows da Banda Marofagy, Grupo de Samba Aí Vem Eles e Uai Soul Roots. Houve ainda participação do Dj Luiz Cláudio e Fest Dance. A entrega dos R$ 8.412,00 à equipe foi feita na tarde de terça-feira (21).

“Agradecemos as doações e o apoio de todos que colaboraram para o sucesso desta Feijoada. Agradecemos ainda as bandas, as funcionárias da Casa Lar e o público que compareceu ao evento. Foi por meio da parceria de amigos, empresários, instituições da cidade e equipe da Casa que conseguimos alcançar este resultado tão positivo, em poder contribuir para proporcionar ainda mais qualidade de vida às crianças e aos adolescentes”, contam os organizadores, a decoradora Wania Muahad e o advogado e estudante de Gastronomia Ralph Duvanel Rodrigues, o qual preparou a feijoada.

Mantida pela Prefeitura, a Casa Lar está localizada na Rua Benedito Valadares, 603, Barra. A instituição acolhe crianças e adolescentes que estão afastados do convívio familiar por meio de medida protetiva de abrigo, oferecendo a eles apoio sociofamiliar, à convivência social e comunitária, oficinas e assessoria técnica. “Agradecemos a todos os organizadores por terem escolhido a Casa Lar para ser beneficiada com os recursos arrecadados durante o evento. Obrigada por contribuírem para o bem-estar de nossas crianças e adolescentes”, Cristiane Cruz Teixeira, coordenadora da Proteção Especial da Secretaria Municipal de Desenvolvimento Social.

Categoria: Muriaé
Comentários (0) e Compartilhar

left show tsN fwR fsN|left fwR tsN|left show fwR tsN|bnull|||login news c05|fsN fwR normalcase c05 tsN|c05|login news fwR normalcase c05|tsN fwR c05 normalcase|normalcase fwR c05|content-inner||