Conselho de Desenvolvimento Rural estuda novas formas de atender produtores

Publicado em 20/11/2018 às 17h20

Órgão pretende garantir participação popular nas ações destinadas à melhoria da qualidade de vida do produtor rural

O Conselho Municipal de Desenvolvimento Rural Sustentável, criado em 2006 e reativado nos últimos meses, se reuniu nesta segunda-feira (19), na Emater, para apresentar o novo Regimento Interno e também para estudar as novas formas de atender aos produtores. O órgão pretende garantir a participação popular nas ações destinadas à melhoria do atendimento à população rural. 

O colegiado é formado pela Prefeitura, Emater, Sindicatos de Trabalhadores Rurais e representantes de cada distrito e da agricultura familiar. Na última reunião, a Secretaria Municipal de Agricultura e Meio Ambiente apresentou as ações realizadas durante o último ano em prol do homem do campo. Como mostra das atividades realizadas foram apresentados os programas “Cesta Cheia” (alimentos distribuídos gratuitamente), o “Muriaé Mais Leite” (assistência veterinária gratuita), o patrolamento das vias rurais, a construção de pontes na área rural, a instalação de mata-burros, os empréstimos da máquina beneficiadora de café e da patrulha mecanizada, entre outros.

O encontro permitiu elaborar um cronograma de serviços que poderão ser solicitados ao poder público para que as atividades sejam realizadas de acordo com as necessidades do homem rural. Desta maneira, ficaram registradas algumas ações que deverão ser pleiteadas e colocadas em prática no próximo ano. Entre elas estão a reconstrução de pontes, ensaibramento das principais estradas rurais, dando prioridade aos pontos críticos (parte alta dos distritos e comunidades) e a adaptação de placas de sinalização informativas nas estradas. Outra proposta que ganhou muitos devotos foi a criação de um programa para a construção de fossas sépticas em residências rurais, que poderão ser feitas em parceria com o homem do campo.

 

Formação e importância do Conselho Rural

O Conselho tem em sua presidência o veterinário e técnico da Emater, Édson Curi, e na vice-presidência, o representante do Sindicato dos Trabalhadores Rurais, Eduardo Alcântara. A chapa tem como 1º secretário, o secretário de Agricultura e Meio Ambiente, Manoel Carvalho, e como 2º secretário, a integrante do Conselho Comunitário de Pirapanema, Aparecida Silva. A formação do órgão permitirá conquistar verbas estaduais para a cidade, assim como discutir ações e novas atividades para o produtor rural.

Categoria: Muriaé
Tags: Conselho Rural, EMATER MG

Enviar comentário

voltar para Notícias

left show tsN fwR fsN|left fwR tsN|left show fwR tsN|bnull|||login news c05|fsN fwR normalcase c05 tsN|c05|login news fwR normalcase c05|tsN fwR c05 normalcase|normalcase fwR c05|content-inner||