Biologando

Empresário compra 10 mil bikes que iam pro lixo e doa a alunos pobres

Publicado em 10/06/2019 às 08h55

Em vez de deixar milhares de bikes em bom estado estragarem – após o fechamento da fabricante – um empreendedor está retirando toda a produção que estava ao ar livre e doando para crianças pobres de Mianmar, na Ásia.

Mike Than Tun Win ficou de coração partido ao ver as bicicletas desperdiçadas, após a liquidação judicial , em 2018,  da empresa OBike, que fazia compartilhamento em Cingapura.

Win pensou em todas as crianças da vila que ele via caminhando para a escola pela estrada. Foi aí que teve a inspiração. “É comum ver filas e filas de estudantes caminhando longas distâncias de casa para a escola em aldeias rurais”, disse Win, de acordo com a Tech Crunch .

“Alguns alunos chegam a caminhar até uma hora de casa para a escola e as famílias dificilmente podem pagar por uma forma simples de transporte, como bicicleta ou motocicleta … um ônibus escolar é quase inédito para os estudantes nas aldeias rurais”.

A ação

Win diz que encontrou montanhas de burocracia e taxas em relação ao envio de bicicletas de Cingapura para Mianmar. Então ele abriu a organização sem fins lucrativos LessWalk para que pudesse comprar todas as bicicletas não usadas do oBike e doá-las para crianças em idade escolar.

Deu certo. Ele já enviou e recebeu cerca de 4.700 novas bikes e mais 5,300 já estão a caminho. “A iniciativa é melhor do que o esperado, já que eu estava tentando comprar bicicletas usadas de cemitérios de reciclagem, mas consegui obter bicicletas 100% novas a um preço muito bom!”, escreveu Win em um blog. “Todas as bicicletas são gratuitas para os estudantes que vivem abaixo da linha da pobreza em Mianmar e precisam andar 2 quilômetros até a escola”, acrescentou.

A organização sem fins lucrativos tem financiado sua missão com patrocínios e doações, mas a maior parte de seu financiamento de US $ 400 mil – R$ 1.600 milhão – veio diretamente do bolso de Win.

Ele está conversando com várias organizações governamentais e instituições de caridade de base, para distribuir adequadamente as bikes nas próximas semanas. “Estou planejando isso desde 1º de março, quando publiquei [minha ideia] no Facebook e no Linkedin”, escreveu Win. “Três meses depois do meu post, estou super feliz por poder finalmente começar a trabalhar nisso!”

Com informações do GNN

Fonte: Só Notícia Boa

Categoria: Opinião
Comentários (0) e Compartilhar

Jovem adota filhote surdo e lhe ensina a língua de sinais para brincar com ele

Publicado em 03/06/2019 às 09h56

Um cãozinho chamado Emerson foi covardemente abandonado por um dono que não o queria ter por perto. Ele nasceu completamente surdo, com limitações na visão e com os sintomas do parvovírus canino.

Emerson não conhecia o amor e já havia experimentado diversas situações de dor e solidão. Com três meses de idade, resgatado por um abrigo de cães, passou a maior parte do tempo internado em um hospital devido às convulsões causadas pelo parvovírus.

O principal sintoma dessa doença é diarreia acompanhada de sangue, além da altíssima taxa de mortalidade, que pode chegar a 91% entre os cães. Infelizmente, por conta disso, dezenas de pessoas rejeitaram a possibilidade de adotá-lo.

Até que um dia, um jovem chamado Nick viu uma fotografia de Emerson em um site da ONG North Florida Foundation, que o exibia como um “cão apto para adoção“. Já simpático à ideia de adotá-lo, Nick ficou com mais vontade ainda de levá-lo para casa ao descobrir que o filhote era surdo – como ele.

Com a ajuda da mãe, Nick foi até o abrigo de cães para buscar Emerson. Quando eles finalmente se conheceram, um vínculo incrível entre os dois começou a ser construído. O cãozinho sentou nos pés do jovem, em sinal de confiança e carinho, e o jovem respondeu pegando-o no colo e dando-lhe carinho.

Nick começou a ensinar a língua de sinais a Emerson para que pudessem se comunicar um com o outro. O filhote é muito inteligente e logo aprendeu os gestos de seu dono. Quando o jovem desenha um “S” com os dedos significa “sente-se” e quando ele desenha uma linha reta significa “deite”.

“O vínculo que temos é impressionante, nos entendemos muito bem. Eu gosto de pensar que tudo isso foi predestinado, pois ele é um cãozinho muito especial.”

Juntos há seis meses, o curso das vidas do jovem e do cachorrinho foram alterados para sempre. Nick ganhou uma amizade para a vida e Emerson descobriu o amor e o carinho após tanto tempo convivendo com a dor e a solidão.

Fonte: Razões para Acreditar

Categoria: Animais, Opinião
Comentários (0) e Compartilhar

Garotos acham R$ 12 mil em prédio abandonado e entregam à polícia

Publicado em 03/06/2019 às 09h49

Quatro adolescentes que jogavam bola em um terreno abandonado de uma creche encontraram R$ 12 mil em dinheiro e decidiu entregá-lo à polícia. O caso aconteceu em Santa Rosa de Goiás, município de três mil habitantes na região central do estado.

Mesmo pertencentes à famílias de condições financeiras limitadas, os garotos entenderam que não deveriam ficar com o dinheiro e entregaram a quantia no mesmo dia à uma delegacia da polícia militar.

Gabriel Valentim de Souza, 13 anos, Marcos Antônio de Araújo, 12, Bruno Feliciano da Silva Santos, 13, e Luiz Augusto Araújo, 16, contam que tudo aconteceu quando eles foram jogar futebol.

Quando são liberados da escola, a garotada se diverte jogando bola. Eles costumam jogar em uma área aberta próxima a um prédio abandonado, onde funcionava uma creche da prefeitura. Graças à um chute forte de um dos meninos, a bola foi parar dentro do edifício, num cômodo que servia como cozinha.

Moradores da vizinhança afirmam que um aposentado que recolhia material reciclável morou no local abandonado por um tempo, mas que falecera há cerca de dois anos.

Ao entrarem na cozinha, os meninos contam que vasculharam o espaço para encontrar a bola mas acabaram achando um fundo falso onde o dinheiro estava escondido.

A quantia estava guardada em um saco plástico de arroz. Atônitos, eles conversaram entre si sobre o que fazer com toda aquela bolada. De início, pensaram em comprar um celular, um videogame, uma bicicleta. Mas logo o sonho cedeu lugar à realidade e à honestidade.

“Eu brincando cheguei aqui dentro e falei: gente vamos cutucar aqui quem sabe a gente não acha moedinha antiga. Aí a gente puxou o plástico e achou o dinheiro”, contou Bruno.

Natalícia Maria dos Santos, mãe de Bruno, conta que a iniciativa de procurar a polícia partiu do próprio filho. “Ele chegou correndo quase morrendo e falou para a gente ir na delegacia”, disse.

Para Recilda Bárbara de Araújo, mãe de Luiz Augusto e Marcos, a atitude deles a encheu de orgulho.

“Eles levaram por conta deles para polícia e depois contaram para a gente. Foram honestos e não esconderam nada”, disse Recilda. A dona de casa conta que ela, os quatro filhos e o marido subsistem com um salário mínimo mensal, que o esposo consegue faturar atuando como pedreiro autônomo.

O pedreiro Valdimar Valentim de Souza conta que ficou muito feliz com a atitude do filho. “O que ele fez foi digno. É da criação que ele tem, né, com a mãe ali em cima”, afirmou.

Os R$ 12 mil foram entregues pelos meninos ao sargento José Gracia Neto, da Polícia Militar.

“Nós estávamos no destacamento aqui e chegou a garotada falando que tinha achado a saca de dinheiro. Fizemos a contagem do valor, registramos a ocorrência e fomos para a delegacia”, contou.

Os policiais informaram que estão procurando a família do idoso pertencedor do dinheiro. De momento, a quantia foi depositada em uma conta judicial enquanto espera ser devolvida aos herdeiros legítimos.

Fonte: Razões para Acreditar

 

 

Categoria: Opinião
Comentários (0) e Compartilhar

Senhora com Parkinson doa mudas de acerola e encanta vizinhos: “Acerolas do Amor”

Publicado em 28/05/2019 às 08h56

Quem passa em frente à casa da dona Maria Carvalho de Souza Linhares, 86 anos, tem a fofa surpresa de encontrar em sua varanda várias mudas de acerola plantadas em caixinhas de suco e de leite, com os seguintes dizeres: “Pode pegar. Presente da Dona Maria”. Nomeada de “Acerolas do Amor”, esta linda iniciativa foi registrada pela neta da dona Maria, Bárbara Linhares, 23 anos, em João Monlevade, interior de Minas Gerais.

“Depois que ela viu em um programa de TV que a acerola era considerada a planta ‘rainha do quintal’, ela teve vontade de fazer esse projeto de doação das mudas. Ela sempre gostou de dar mudinhas do seu jardim para nós familiares e nossos amigos e pensou que seria bacana se várias pessoas pudessem tê-las em seus quintais também”, relatou.

Bárbara contou ao Razões que a vó Maria sempre foi apaixonada por jardinagem e desde que perdeu o seu companheiro, o vô Cravo, há 20 anos, foi diagnosticada com Síndrome de Parkinson. Como a doença é neurodegenerativa, dona Maria apresenta tremores e dificuldade de locomoção e na fala. Esses sintomas se intensificaram bastante nos últimos 2 anos, mas isso não a impossibilitou de cuidar do seu jardim e plantar as suas mudinhas da “Acerolas do Amor”.

Cultivo de acerola melhorou qualidade de vida

“Acho que ela encontra nas flores e árvores uma maneira de expressar a gratidão pela vida. Nossa avó deixa amor por onde passa. É uma pessoa extremamente carinhosa, preocupada, cuidadosa e gentil. Devido às decorrências da Síndrome de Parkinson, ela tem alguns dias bem ruins, mas ela consegue tirar de letra qualquer situação”, afirmou.

A neta relatou também que tem recebido diariamente inúmeras mensagens de carinho, inclusive, que a produção de mudinhas dobrou!

“Enquanto essa atividade for uma distração e trouxer alegria pra ela, iremos apoiá-la, sem dúvidas. A vovó ama realizar vários projetinhos em sua casa, e nós amamos acompanhar e fazer parte disso tudo”.

Outra notícia boa é que desde a repercussão do publicação, a vó Maria tem apresentado melhoras nos últimos dias em relação a doença.

“Ela apresentou pouquíssimas crises decorrentes da doença, e foram crises brandas. Foi muito bacana saber que também pudemos dar força e ânimo para as pessoas que possuem familiares portadores da Síndrome de Parkinson através da publicação. A internet, quando usada para o bem, é uma ferramenta maravilhosa!”.

Muito fofa a dona Maria! Então já sabe, é só passar em frente a casa e pegar uma muda na varanda. Ah, e quem puder ajudá-la doando caixinhas de leite ou suco, é só deixá-las lá na varanda também.

Categoria: Opinião
Comentários (0) e Compartilhar

Voluntários produzem cerca de 30 camas de pneus para cães comunitários em Muriaé

Publicado em 06/05/2019 às 16h49

Iniciativa realizada pela Prefeitura em parceria com Projeto Cuida aconteceu no último sábado (4), no Horto Florestal

Cerca de 30 camas de pneus para cães comunitários foram produzidas por voluntários em Muriaé. Promovida pela Prefeitura em parceria com o Projeto Cuida, a iniciativa foi realizada no último sábado (4), no Horto Florestal. O objetivo é ajudar os animais que estão em situação de risco e protegê-los do frio, uma vez que a previsão é que Muriaé tenha temperaturas abaixo da média no inverno deste ano.

O material será distribuído em locais como Horto Florestal, Almoxarifado da Prefeitura e bairro Panorama. Três camas já foram doadas e instaladas no Recanto Verde.

“Com a cama, os cães de rua terão um local para se protegerem das baixas temperaturas e, desta forma, estarão abrigados. A cama possui longa vida, por ser feita de material resistente. Os cachorros de rua merecem cuidado e carinho, assim como os cães que possuem dono”, afirma a diretora de Saúde Ambiental da Secretaria Municipal de Saúde, Carla Morcerf.

Além da confecção de camas de pneus para os cães de rua, a Prefeitura promove outras ações de proteção animal, como a castração, por exemplo, a qual acontece em parceria com os grupos "Amicão" e Pedido de Socorro de Muriaé (PSM). Em dois anos, mais de 800 cães e gatos foram castrados no município.

Categoria: Animais, Opinião
Comentários (0) e Compartilhar

Jovem Down volta pra escola após cirurgia cardíaca e emociona.

Publicado em 29/04/2019 às 09h05

Uma cena linda de um estudante Down voltando para escola após passar por uma cirurgia cardíaca. Tyler Krueger, de 24 anos que é de Michigan, ficou seriamente doente. Ele teve que se afastar de uma de suas grandes paixões que é a escola e das competições nas Olimpíadas Especiais.

Este mês, a escola compartilhou cenas de Tyler correndo em direção a seus professores e colegas enquanto eles aplaudiam, segurando balões. “Ele estava em êxtase”, lembrou Shelly, a mãe dele.

História

Tudo começou quando um vírus da gripe afetou fígado, rins e coração, levando os órgãos a falharem. Os médicos implantaram uma bomba cardíacada para mantê-lo vivo, mas ele precisava mesmo de um transplante. “Seu sistema imunológico é reduzido e os médicos estavam nervosos já que o risco de câncer [era] maior para o transplante”, explicou sua mãe, Shelly .

Felizmente, em setembro de 2018, os Kruegers receberam a ligação que esperavam. Um coração de doador estava disponível. Após oito horas de cirurgia, o transplante foi um sucesso. E enquanto se recuperava em casa, Tyler contou os dias até que ele pudesse rever seus professores e colegas de classe novamente.

Sete meses depois, o jovem conseguiu finalmente a volta ao Pine Tree Center, em Lake Orion.

Com informações do Inspire More

Fonte: Só Notícias Boas

Categoria: Opinião, Saúde
Comentários (0) e Compartilhar

Moradores de Boa Família recebem cursos de primeiros socorros e cuidador de idosos

Publicado em 25/04/2019 às 18h31

 

Iniciativa ofereceu qualificação profissional e oportunidade de emprego e renda

Onze moradores do distrito de Boa Família concluíram os cursos "Primeiros Socorros" e "Cuidados básicos com o idoso". A iniciativa foi realizada pela Prefeitura em parceria com o Serviço Nacional de Aprendizagem Rural (Senar), Programa Acessuas Trabalho e Núcleo de Atendimento da Assistência Social (NAAS), por meio da Secretaria Municipal de Desenvolvimento Social.

"Cuidados básicos com o idoso" foi oferecido no mês de março. Já o curso “Primeiros Socorros”, que é uma continuidade do primeiro, aconteceu neste mês e foi finalizado na última semana.

O objetivo foi oferecer qualificação profissional e oportunidade de emprego e renda aos moradores.

 

Categoria: Opinião, Saúde
Comentários (0) e Compartilhar

Prefeitura e Projeto Cuida vão produzir camas para cães comunitários

Publicado em 23/04/2019 às 15h47

Iniciativa acontecerá no próximo sábado (27), às 13h, no Horto Florestal

A Prefeitura de Muriaé, em parceria com o Projeto Cuida, vai realizar no próximo sábado (27), no Horto Florestal, uma oficina para confecção de camas de pneus para cães comunitários. A entrada é gratuita e todo o material será doado para que os protetores produzam as camas no local e as levem para o animal que cuidam.

Algumas camas serão instaladas em pontos estratégicos da cidade para cães de rua, uma vez que a previsão é que Muriaé tenha temperaturas abaixo da média neste inverno.

Vale lembrar que o cão comunitário é protegido pela Lei Estadual 21.970/16, sendo autorizada, inclusive, a colocação de água e ração para ele em frente às casas.

“Os cães de rua não escolhem estar nas ruas. Eles são animais domesticados, foram abandonados e dependem do homem para ter bem-estar, saúde e segurança. É responsabilidade de todos os cidadãos dar o mínimo de condições para que não sofram com fome, sede ou frio, por isso a Prefeitura de Muriaé apoia e incentiva as ações de proteção animal”, afirma a diretora de Saúde Ambiental da Secretaria Municipal de Saúde, Carla Morcerf.

A Prefeitura de Muriaé e os grupos de proteção animal Amicão e Pedido de Socorro de Muriaé (PSM) possuem uma parceria para castração de animais de rua, a fim de se ter o controle do número destes animais. Em dois anos, já foram castrados mais de 800 cães e gatos na cidade.

 

Serviço

Produção de camas para cães comunitários:
Dia: 27 (próximo sábado)

Horário: 13h

Local: Horto Florestal

Entrada gratuita

Categoria: Animais, Opinião
Comentários (0) e Compartilhar

Acordar com enjoo: 6 causas mais comuns para seu enjoo matinal

Publicado em 22/04/2019 às 09h57

Acordar com enjoo é um sintoma extremamente desagradável, até porque, nessa hora, não temos nada no estômago por isso, um enjoo matinal é a pior coisa.

Caso o vômito aconteça o corpo sofre com náuseas sem conteúdo para expelir. Sempre que uma mulher, de vida sexual ativa, tem enjoos matinais, ela (e todo mundo!) pensa que é gravidez. No entanto, nem sempre a causa é essa. Há doenças importantes que levam a este sintoma e precisam ser diagnosticadas. Veja o que pode ser.

ACORDAR COM ENJOO, O QUE PODE SER?

1. GRAVIDEZ, LÓGICO

Como já dito, um dos primeiros sintomas de gravidez é o enjoo matinal, náuseas e vômitos pela manhã. Nem toda mulher tem esse sintoma, no entanto, acontece em 80% das gestações. Alguns especialistas garantem que este sintoma é provocado pelas toxinas que invadem o organismo durante o processo. Outros preferem acreditar que o deslocamento do estômago, vesícula e fígado para acomodar melhor o útero pode ser a principal causa.

Também se sabe que nesta fase, a formação do suco gástrico diminui bastante e com isso a digestão fica muito lenta, o que causaria enjoo e prisão de ventre. Assim, se você corre o risco de estar grávida, pode desconfiar deste sintoma como a chegada de um bebê. Por outro lado, o enjoo matinal fora da gravidez, pode ter outras causas.

2. LABIRINTITE

Um estudo publicado no British Medical Journal [1], diz que a labirintite se caracteriza por uma inflamação no labirinto, local responsável pelas noções de equilíbrio e percepção de posição do nosso corpo. Os sintomas clássicos da doença são: vertigens e tonturas geralmente que são relatadas. Contudo, náuseas e vômitos matinais também são um sintoma recorrente.

No caso da labirintite, a pessoa já pode acordar com enjoo todo dia, e estes sintomas podem durar o dia todo se não forem devidamente tratados. Além disso, a pessoa poderá sentir ao longo do dia coisas como perda de audição, zumbidos fortes, desequilíbrio e desorientação. Se acordou com enjoo e passou o dia com estes sintomas citados, é bem possível que seja labirintite o seu problema.

3. INTOXICAÇÃO ALIMENTAR

A intoxicação alimentar acontece quando ingerimos alimentos ou bebidas contaminadas com bactérias, parasitas e/ou vírus. Um dos primeiros sintomas é o enjoo matinal, de acordo com comunicado da NHS [3]. Caso a pessoa tenha comido o alimento contaminado a noite, a digestão aconteceu enquanto dormia e o corpo, certamente, já terá reconhecido a toxina e, já irá responder com vômitos pela manhã.

Às vezes, nem dá tempo de amanhecer, a pessoa já irá acordar com enjoo na madrugada.

4. ENXAQUECA

De acordo com Dr. Alexandre Feldman, neurologista especialista em enxaqueca, a dor de cabeça é um dos sintomas mais dramáticos de uma crise de enxaqueca, mas não é o único. Enjoo e até vômitos, hipersensibilidade à luz, barulho e cheiros, são alguns dos principais sintomas da enxaqueca, de acordo com publicação da Expert Review [2]. Diante de uma crise, é normal que a pessoa já saia da cama com enjoo matinal e dor de cabeça.

5. RESSACA

Quando ingerimos bebida alcoólica na noite anterior, é bem comum que uma ressaca nos tire da cama pela manhã. Dor de cabeça, enjoo, indisposição, vontade zero de levantar da cama são os principais sintomas. O metabolismo das mulheres é naturalmente mais lento do que o dos homens.

Por isso, a ressaca pode durar mais nas mulheres do que nos homens. Então, é comum que as mulheres acordem com enjoo matinal sem estar grávida depois da bebedeira. Enquanto isso, os homens costumam não sentir tanto. O álcool deixa o sistema gástrico irritado e ainda desequilibra o pH do sangue, deixando a pessoa mais propícia a ter enjoos.

Nestes casos, é indicado reidratar o organismo com água ou isotônicos.

6. GASTRITE

Quem sofre de gastrite pode ter suas manhãs de enjoo. Médicos dizem que a causa provável da gastrite é a fraqueza da barreira mucosa que protege a parede estomacal. Isso, certamente, permite que os sucos digestivos produzidos pelo estômago causem danos ao tecido que reveste o órgão. Essa alteração na parede do estômago pode ser causada pela bactéria Helicobacter pylori. 

Os sintomas da gastrite começam devagar, com características ignoradas na maioria das vezes.

  • Dor no estômago
  • Queimação
  • Barriga inchada
  • Enjoo após as refeições, e eventualmente, acordar com enjoo
  • Indigestão
  • Gases ou arrotos

ACORDAR COM ENJOO DE MADRUGADA

Se você acordou enjoado ou até vomitando, considere a possibilidade de estar com alguma intoxicação alimentar severa, uma das causas comuns de enjoo matinal. Os períodos de incubação são diferentes para cada causa de intoxicação alimentar. Algumas causas produzem sinais no espaço de 30 minutos a algumas horas, mas, geralmente, desenvolve sintomas depois das 12 – 48 horas.

Outros tipos demoram alguns dias ou até uma semana para os sintomas aparecerem.

  • Enjoo e náuseas;
  • Fraqueza no corpo todo ou cansaço;
  • Dor de cabeça constante;
  • Dor abdominal e cólicas;
  • Vômitos abruptos;
  • Diarreia (algumas vezes dando fezes com muco ou sangue);
  • Desidratação;
  • Por fim, febre;

HOMEM ACORDAR COM ENJOO

Além da gravidez, lógico, os homens não são tão suscetíveis a crise de labirintite e enxaqueca, como as mulheres. No caso da labirintite, estatisticamente, os homens com mais de 40 anos estão entre o grupo de risco. Contudo, segundo o Ministério da Saúde, de 5% a 25% das mulheres e 2% a 10% dos homens sofrem de enxaqueca.

Assim, o enjoo matinal no homem, tem a ver, na maioria das vezes com intoxicação alimentar por comida ou bebida e ressaca que levou afetou o trabalho do fígado. Ao mesmo tempo, considere os sintomas da gastrite.

ENJOO MATINAL EM JEJUM

É comum que algumas pessoas já acordem enjoadas quando estão com o estômago muito vazio. Não comer depois das 17h, por exemplo, vai resultar em um jejum bem longo de várias horas. O suco gástrico produzido, mesma em pequena escala, irrita a parede do estômago e pode causar enjoo. Por outro lado, isso não acontece com todo mundo, e, ao mesmo tempo, é possível que haja causas subjacentes acima citadas.

RESUMO

Em suma, o enjoo matinal é uma condição já conhecida pelas gestantes.

Contudo, nem sempre essa é a causa de já acordar com enjoo, pois, doenças como intoxicação alimentar, labirintite também podem resultar nesse sintoma.

No caso dos homens, é mais comum caso de intoxicação por alimentos contaminados, resseca, gastrite.Já, nas mulheres, há uma maior susceptibilidade de sofrerem de enxaqueca e labirintite. 

ARTIGOS MÉDICO-CIENTÍFICO: BRITISH MEDICAL JOURNAL [1], EXPERT REVIEW [2] NHS [3]

Atenção: O material neste site é fornecido apenas para fins educacionais, e não deve ser usado para conselhos médicos, diagnósticos ou tratamentos. 

Fonte: Diário de Biologia

Categoria: Ciência, Saúde
Comentários (0) e Compartilhar

Dor na Ovulação: quando é normal? Como tratar? Quais os sintomas. Saiba tudo!

Publicado em 22/04/2019 às 09h40

A dor na ovulação, também conhecida como Mittelschmerz, é uma dor geralmente em um dos lados da região inferior do abdômen da mulher durante a ovulação. Cerca de 20% das mulheres passam por esta experiência.

Ela pode ser chamada de “dor do meio do ciclo” porque justamente acontece aproximadamente na metade do ciclo menstrual, conforme afirma o estudo da Universidade de Melbourne, Austrália, publicado na revista British Medical Journal [1]. Algumas mulheres apresentam a dor de forma leve a moderada, porém, algumas podem sentir dores mais intensas.

Outras apresentam as dores em todos os ciclos, embora algumas mulheres apresentem de forma aleatória. A dor da ovulação é normal, pois, a ovulação causa um pequeno sangramento no interior da cavidade abdominal.

Com isso, surge a dor súbita na região lateral do abdômen. Que pode ser em apenas um lado ou em ambos os lados ao mesmo tempo. Essa dor na ovulação aparece subitamente e pode desaparecer com alguns minutos ou horas.

Todavia, algumas mulheres podem sentir a dor durante alguns dias, por isso é bom ficar alerta aos sintomas.

SINTOMAS DE DOR NA OVULAÇÃO

Os sintomas da ovulação podem variar para cada mulher, inclusive na intensidade da dor, porém, seguem os principais:

  • Dor da ovulação no lado direito;
  • Dor da ovulação no lado esquerdo;
  • Dor no período da ovulação;
  • Pode ser leve a intensa, mas é bastante variável;
  • Pequenas fisgadas no abdômen;
  • Câimbra ou desconforto abdominal;
  • Desconforto em algum lado do abdômen. Mas pode ser nos dois lados;
  • Sangramento vaginal;
  • Enjoo e náuseas;
  • Leves pontadas no baixo ventre;
  • Aumento da temperatura;

Tudo isso são sinais da ovulação. Mas que devem ser observados com atenção.

CAUSAS DA DOR NA OVULAÇÃO

A principal causa da dor na ovulação se deve ao fato do rompimento do folículo que sai do ovário. Essa dor, que muitas vezes pode ser como uma leve pancada no abdômen, geralmente é súbita e pode aumentar com o tempo. Quando o óvulo é liberado, uma pequena quantidade de sangue e líquido também é liberada no trajeto causando irritação no peritônio, que também explica as dores no abdômen.

A dor também é causada pelo aumento de volume dos óvulos. Isso porque a cada ciclo, o estrogênio aumenta seu volume para que um óvulo esteja adequado para fecundação. A expansão dos ovários também é uma condição para causar algum desconforto em algumas mulheres.

Todavia, algumas condições ou fatores pode ser sinal de outro problema que deve ser observado:

  • Doenças sexualmente transmissíveis como a Clamídia. Na qual pode causar uma inflamação em volta das tubas uterinas;
  • Cistos nos ovários. Muitas mulheres sofrem com os cistos que são “bolsas” cheias de líquido. Elas podem se formar ao redor dos ovários ou dentro deles;
  • Gravidez ectópica. Ou seja, uma gravidez que ocorre fora da cavidade uterina. Geralmente acontece nas tubas uterinas.
  • Apendicite. Principalmente após uma cirurgia, pois, pode formar tecido cicatricial ao redor dos ovários. De acordo com o estudo científico da British Journal of Hospital Medicine [2]

 DOR NA OVULAÇÃO PODE SER ENDOMETRIOSE?

Sim! A endometriose é uma doença inflamatória que afeta os ovários, as tubas uterinas, abdômen, entre outros.

A dor pode ser confundida com essa doença por isso deve ser observada com atenção. Como a endometriose pode não apresentar nenhum sintoma, é necessário observar com atenção os sinais e sintomas durante a ovulação. Mulheres com endometriose também apresentam menstruação anormal, com muita dor, um fluxo intenso, constipação e muitas náuseas.

Também afeta a fertilidade, ou seja, com endometriose fica bem mais difícil de engravidar. Com isso, prejudica também a produção de óvulos e sua liberação pelas tubas uterinas, uma vez que essas estruturas podem ser danificadas com a doença.

QUANTO TEMPO PODE DURAR A DOR NA OVULAÇÃO?

De modo geral, a dor na ovulação pode variar entre as mulheres. Muitas vezes a dor é súbita e rápida apenas durante a ovulação.

 Algumas vezes podem durar horas e até dias com momentos mais fortes e suaves nesse período.

A dor na ovulação pode ser sinal para evitar gravidez? 

Não necessariamente, pois, a dor é normal. Porém, com intensidade e por muitos dias, é bom acompanhar.

A dor na ovulação dura quantos dias?  

Uma média geral aponta que a dor dure em torno de uma semana, não mais que isso!

Lembrando que a intensidade da dor é bastante variável, porém, dores intensas por muito tempo é recomendado procurar um médico.

O QUE TOMAR PARA DOR DA OVULAÇÃO?

Não existe um tratamento a dor da ovulação!

Até porque a dor na ovulação faz parte do processo. Porém, não significa que a mulher precise suportar todas as dores durante vários dias, claro que não!

Por isso, quando as dores são muito intensas alguns analgésicos podem ser tomados para aliviar a dor. Algumas compressas quentes no abdômen podem ajudar a diminuir a dor e deve ajudar no relaxamento.

Tomar banhos mornos também é uma forma de contribuir para diminuição da dor, principalmente deixando a água escorrer pelo ventre. Uma dica importante: nunca segure a urina!

Isso pode aumentar o desconforto e ainda causar problemas como infecção urinária.

QUEM TOMA ANTICONCEPCIONAL PODE OVULAR?

Se a mulher tomar o anticoncepcional todos os dias, no mesmo horário, sem esquecer nenhum um dia, ela não vai apresentar período fértil, portanto, não pode ovular. Isso ocorre porque os anticoncepcionais inibem a ovulação, ou seja, eles fazem os ovários “adormecerem” e com isso não conseguem produzir óvulos.

No entanto, se a mulher esquecer de tomar um comprimido, pelo menos uma única vez, ela corre um risco de engravidar, pois, os ovários podem produzir um óvulo nesse momento e ele poderá ser fecundado.

NÃO É 100% EFICAZ!

Entretanto, mesmo tomando o anticoncepcional a mulher poderá engravidar. É bem mais difícil, mas é possível!

Você deve lembrar que mesmo com o uso constante e correto do anticoncepcional, ele não é 100% eficaz, por isso em alguns casos podem ocorrer  gravidezes. Tomar algum medicamento que diminua o efeito da pílula também pode alterar sua eficácia e com isso engravidar.

Por isso, é sempre recomendado consultar um especialista para se certificar de que a combinação não afetará a eficácia do anticoncepcional. Vômitos ou diarreia até duas horas após o uso da pílula também podem afetar sua eficácia e com isso uma gravidez pode aparecer. O mais importante é tomar o anticoncepcional bem certinho. Lembrando que há 1% de chance de ocorrer a gravidez mesmo assim.

QUANTOS DIAS DEPOIS DA OVULAÇÃO POSSO ENGRAVIDAR?

A gravidez só será consolidada se a mulher estiver no seu período fértil.

Mulheres com ciclos regulares com 28 dias, a ovulação pode ocorrer 14 dias antes da menstruação. O período fértil começa 3 dias antes da ovulação e termina 3 dias após a ovulação.

Todavia, mulheres que apresentam ciclos irregulares se tornam quase impossível determinar o seu período fértil e definir com precisão o período favorável para engravidar. No entanto, no mesmo dia da ovulação é possível engravidar. Isso porque o corpo da mulher está totalmente preparado para receber uma gravidez.

É o melhor momento para conceber a fecundação.

CÓLICA MENSTRUAL X DOR NA OVULAÇÃO

Nunca confunda a cólica menstrual com a dor na ovulação!

São dores completamente diferentes com intensidades distintas e formas diferentes de acontecer.

CÓLICAS

A cólica, também chamada de dismenorreia, é um sintoma natural e comum que acompanha a menstruação. Ela é provocada quando há liberação de prostaglandinas, uma substância que faz o útero contrair para eliminar o endométrio. O principal sintoma é a dor no baixo ventre.

A intensidade é variável, mas pode se irradiar para as costas e membros inferiores.

Geralmente, as cólicas intensas deixam as mulheres bem irritadas e com outros sintomas como, náuseas, vômitos, dores de cabeça e nas mamas, além de inchaço. Cerca de 50% das mulheres sentem cólicas menstruais em alguma fase da vida.

Lembrando que a cólica pode ser primária, quando a sua causa é natural por causa da eliminação do endométrio, e secundária, quando há alguma alteração patológica no sistema reprodutivo, como o caso de endometriose, miomas, tumores, entre outros.

DOR DA OVULAÇÃO

Já a dor na ovulação, como já foi dito, é uma dor que ocorre quando o ovário libera o óvulo. As cólicas geralmente acontecem alguns dias antes da menstruação e pode durar alguns dias após o seu término. Enquanto a dor da ovulação pode durar apenas 24 horas, apenas durante o processo, mas isso pode se estender por alguns dias. O mais importante é observar os sintomas e entender que: a cólica menstrual antecede a menstruação e a dor na ovulação antecede a liberação do óvulo.

QUANDO DEVO PROCURAR UM MÉDICO?

Procurar um médico especialista é sempre recomendado quando se tem alguma dúvida sobre o que está acontecendo com o seu corpo. Por isso, observar os sinais e sintomas que surgem é fundamental para que seja realizado um diagnóstico preciso e eficaz.

A dor na ovulação é normal, porém, dores intensas por mais de uma semana é sinal de algo não está certo, por isso é bom consultar o médico. Além disso, nunca se automedique!

Isso também é fundamental para evitar agravamentos e problemas futuros. Tendo em vista que algumas medicações podem atrapalhar a eficácia de outras e até mesmo interferir no efeito do anticoncepcional, por isso cuidado!

Então, sentiu algo diferente por vários dias, é melhor procurar um médico, assim poderá verificar com mais clareza o que está acontecendo e ainda poderá fazer exames para um diagnóstico correto.

CONSIDERAÇÕES FINAIS

A dor na ovulação é algo normal. Resultado da liberação do óvulo pelos ovários para que haja uma fecundação. Essa dor varia entre leve e moderada, mas pode ficar intensa em algumas mulheres. Em alguns dias ela pode cessar, caso contrário procure um médico.

Nunca se automedique e fique atenta aos sintomas!

ULTIMA ATUALIZAÇÃO 19 DE ABRIL DE 2019 – ARTIGOS MÉDICO-CIENTÍFICOS: BRITISH MEDICAL JOURNAL [1].BRITISH JOURNAL OF HOSPITAL MEDICINE [2]

Atenção: O material neste site é fornecido apenas para fins educacionais, e não deve ser usado para conselhos médicos, diagnósticos ou tratamentos. 

Fonte: Diário de Biologia

 
Categoria: Ciência, Saúde
Comentários (0) e Compartilhar

left show tsN fwR fsN|left fwR tsN|left show fwR tsN|bnull|||login news c05|fsN fwR normalcase c05 tsN|c05|login news fwR normalcase c05|tsN fwR c05 normalcase|normalcase fwR c05|content-inner||