Biologando

Projeto inovador em tecnologia para deficientes visuais está sendo implantado em Muriaé

Publicado em 04/04/2019 às 18h40

Modelo criado pela Prefeitura pretende levar desenvolvimento educacional e tecnológico a pessoas cegas

A implantação do teclado em braile faz parte de um projeto inovador que está sendo desenvolvido pela Prefeitura, através da Secretaria Municipal de Desenvolvimento Econômico e Relações Institucionais, em parceria com a Universidade Aberta e Integrada de Minas Gerais (Uaitec Lab). O novo modelo, que está em fase experimental, pretende estabelecer diretrizes pedagógicas, terapêuticas e profissionais, levando aos deficientes visuais da cidade desenvolvimento educacional e tecnológico.

A Secretaria de Desenvolvimento Econômico e Relações Institucionais, observando a carência de ensino tecnológico para os deficientes visuais em Muriaé, adquiriu dois teclados para o projeto. Os equipamentos já estão sendo utilizados em um curso piloto que pretende estender suas vagas para proporcionar acesso às pessoas cegas de forma gratuita.

“O uso do computador é uma ferramenta para ampliação dos horizontes de todas as pessoas. A informática, por exemplo, traz uma série de recursos que são capazes de promover a interação dos deficientes visuais com o mundo”, ressaltou a secretária da pasta, Solange Montezano.

O projeto inovador está em experimentação nas dependências da Uaitec Lab, localizada próximo ao Centro Educacional Dom Delfim, na Barra. “Nós ficamos imensamente felizes pela conquista, tendo em vista que se abriram os caminhos para as pessoas que possuem limitação visual. Nós gostaríamos de aprender a informática com acessibilidade, e agora poderemos fazer isto”, disse o novo aluno, Pablo Norberto, colaborador do projeto.

Categoria: Opinião
Comentários (0) e Compartilhar

Última etapa da Pré-Conferência Municipal de Saúde ressaltou as

Publicado em 29/03/2019 às 16h49

Democracia e saúde foram os assuntos debatidos durante o encontro no Hospital São Paulo

A terceira e última noite da Pré-Conferência Municipal de Saúde aconteceu nesta quinta-feira (29), no auditório do Hospital São Paulo. Usuários, profissionais e gestores de instituições de saúde participaram da reunião de ontem. Para explanar sobre o assunto "Democracia e Saúde: Consolidação e financiamento do SUS" o convidado foi médico ginecologista, Richard Rodrigues.

O principal foco foi a real situação financeira da saúde em Muriaé, assim como os processos de judicialização. O secretário da pasta, Paulo César de Oliveira, esclareceu sobre a sua preocupação em relação ao atraso nos repasses do estado para o município que já chega a mais de R$80 milhões.

A Pré-Conferência tem como objetivo atrair um número cada vez maior de pessoas para a Conferência Municipal de Saúde que debaterá o assunto 'Democracia e Saúde', sob um ângulo mais extensivo. O evento reunirá segmentos representativos da sociedade, para debater a situação de saúde e propor diretrizes para a formulação de novas políticas públicas.

O encontro municipal acontecerá na próxima semana, quinta-feira (4) e sexta-feira (5) no horário das 18h até as 22h, no auditório do Unifaminas, que fica localizado na Avenida Cristiano Varella, 655, bairro Universitário.

Categoria: Saúde
Comentários (0) e Compartilhar

Índia cria primeiro hospital pra tratar elefantes, vítimas de maus tratos

Publicado em 25/03/2019 às 10h11

Um centro médico especial, o Wildlife SOS Elephant Hospital, foi criado em Uttar Pradesh, na Índia, para tratar elefantes resgatados, vítimas de maus tratos.

A instituição foi criada pelo grupo Wildlife SOS, uma organização sem fins lucrativos, que resgata animais na Índia, desde 1995,

Desde que o hospital foi inaugurado em novembro, a organização sem fins lucrativos resgatou um total de 26 elefantes de atrações turísticas abusivas, como circos, templos, acampamentos de equitação e proprietários privados.

Além de salvar os elefantes abusados, o grupo também resgatou ursos, leopardos, tartarugas e outras espécies ameaçadas de extinção.

Essas condições e situações de negligência geralmente resultam em elefantes sofrendo de uma série de problemas médicos diferentes.

Quando os animais resgatados são levados ao hospital pela primeira vez, eles recebem uma avaliação completa por um dos veterinários do centro.

Como a maioria dos animais está em más condições físicas devido a anos de negligência e desnutrição, o hospital foi especialmente projetado para tratar elefantes feridos, doentes e geriátricos.

Para atender melhor seus pacientes, o hospital tem radiologia digital sem fio, ultrassom, laserterapia, um laboratório de patologia interno e uma talha médica para levantar confortavelmente elefantes com deficiência e movê-los pela área de tratamento.

Para check-ups regulares – assim como tratamentos especiais – há uma balança digital de tamanho gigante, com capacidade de testes laboratoriais e uma piscina de hidroterapia.

O Wildlife SOS Elephant Hospital também possui aparelhos portáteis de raios X, aparelhos de ultra-som e ferramentas especializadas para os pés.

O hospital está equipado com quartos especiais com câmeras de infravermelho para que os veterinários observem os pacientes com elefantes, durante a noite.

Um dos pacientes atuais do hospital é uma adorável fêmea chamada Holly.

Ela é uma ex-elefante de rua que foi confiscada de um proprietário privado.

Holly é completamente cega, e quando ela foi resgatada, seu corpo estava coberto por abscessos crônicos não tratados.

Devido à desnutrição, ela também tem artrite nas pernas traseiras.

Holly agora está recebendo os cuidados médicos que precisa no hospital.

A equipe de veterinários está tratando sua artrite com terapia a laser frio e ultrassonografia terapêutica.

A Holly recebe uma nutrição adequada com muitas frutas favoritas, como banana e mamão papaia.

Uma vez tratados, os elefantes são enviados para um dos dois santuários de elefantes da Wildlife SOS na Índia: o Centro de Conservação e Cuidados com os Elefantes de Mathura e o Centro de Resgate de Elefantes de Yamunanagar.

Desta forma, eles podem passar seus anos dourados aproveitando sua aposentadoria em condições muito mais felizes e saudáveis.

Espalhe notícia boa nas suas redes sociais. Siga o SNB no Facebook, TwitterInstagram e Youtube

Fonte: Só Notícia Boa

Categoria: Animais
Comentários (0) e Compartilhar

Retenção de líquido: O que é? Quais as causas e o que fazer?

Publicado em 22/03/2019 às 08h52

 

A retenção de líquido é uma condição assustadora, pois, pode resultar em consequências graves. Os voos de avião, alterações hormonais e excesso de sal podem fazer com que seu corpo retenha líquidos. O corpo é composto, principalmente, de água e quando o nível de hidratação não está equilibrado, ele “segura” essa água.

Normalmente, a retenção de líquido pode fazer com que você se sinta ganhou peso e está menos ativo. Acima de tudo, a retenção de líquido consegue causar sensação de inchaço no corpo. Esse é um problema de saúde comum e pode ocorrer, com qualquer pessoa, diariamente. Afinal, os fatores envolvidos no excesso de água no corpo é a dieta, ciclo menstrual e genética.

POR QUE ALGUMAS PESSOAS TÊM RETENÇÃO DE LÍQUIDO?

O sódio e o potássio trabalham juntos para manter fluidos e minerais adequadamente distribuídos dentro das celulas e em todo o corpo. Este delicado equilíbrio requer que os seus rins excretem o excesso de sódio através da urina.

No entanto, quando seus rins não estão funcionando como deveriam uma refeição rica em sódio pode causar retenção temporária de líquidos e levar a uma sensação de inchaço. Consistentemente alta ingestão de sódio pode levar a retenção crônica de líquidos, que poderá se manifestar como edema, ou seja, inchaço.

Assim sendo, ter um rosto inchado ou dedos persistentemente inchados, mãos, pés ou pernas pode ser uma indicação de edema, que deve ser diagnosticado e tratado quanto antes. Isso porque, nos casos crônicos, a retenção hídrica pode estar relacionada a problemas circulatórios, cardíacos, hepáticos ou renais.

SINTOMAS DE RETENÇÃO DE LÍQUIDO

  • inchaço, especialmente na região abdominal
  • pernas, pés e tornozelos inchados
  • barriga inchada, face e quadris volumosos
  • rigidez nas articulações
  • alterações de peso
  • pele enrugada

O QUE CAUSA A RETENÇÃO DE LÍQUIDO?

  • Voar de avião. Alterações de pressão dentro da cabine e, especialmente, ficar sentado por um longo período podem fazer o corpo acumular excesso de água.
  • Ficar em pé ou sentado por muito tempo. A gravidade mantém o sangue nas extremidades inferiores. Assim, é importante levantar-se e movimentar-se frequentemente para manter a circulação. Se você tiver um emprego sedentário, então, programe-se para fazer uma caminhada ou subir escadas.
  • Alterações hormonais. Mulheres que convivem com ciclos menstruais desregulados ou estão entrando em menopausapossuem muitas variações nas taxas de hormônios. Por isso, muitas retém líquido com frequência.
  • Comer muito sódio.  Hoje o sódio está em tudo: no sal, nos embutidos, nas carnes processadas e até no refrigerante. Pessoas que tem tendência a retenção de líquidos deve, prontamente, evitar esses alimentos ao máximo.
  • Medicamentos. Alguns medicamentos têm a retenção de líquido como efeito colateral. Dentre eles, podemos citar os remédios para hipertensão e antidepressivos, por exemplo.
  • Coração “fraco”. Nas pessoas com deficiência cardíaca, o coração não consegue bombear sangue normalmente. Isso, decerto, pode fazer com que o corpo retenha água.
  • Gravidez. A mudança de peso durante a gravidez pode fazer com que as pernas retenham água. Por isso, a recomendação é evitar o sedentarismo durante a gestação.

COMO TRATAR A RETENÇÃO DE LÍQUIDOS?

Um estudo publicado na Revista Latino-americana de Enfermagem [1], abordou os cuidados com pessoas que sofrem retenção de líquido enquanto estão hospitalizadas. Segundo os autores, as pessoas que sofrem do problema precisam estar atentas. Isso porque, essa condição pode tomar proporções graves.

Podemos citar, por exemplo, a trombose venosa profunda, edema pulmonar e miomas em mulheres. Então, se o corpo não retornar naturalmente o equilíbrio, é preciso buscar ajuda médica.

Ele irá  orientar sobre as opções de como acabar com a retenção de líquidos no corpo:

  • Reduzir o consumo de sódio. Como já dito acima, embutidos, alimentos enlatados e processados, refrigerantes possuem um alto teor de sódio. Assim, são terminantemente proibidos para essas pessoas.
  • Magnésio. Tomar suplementos de magnésio pode reduzir a retenção de líquidos. Mas, discuta essa possibilidade com seu médico antes de usar qualquer suplemento. No entanto, você pode também ingerir alimentos ricos em magnésio como banana, abacate, tomate, batata-doce e vegetais de folha escura, como espinafre e couve.
  • Diuréticos. Esses medicamentos estão disponíveis por prescrição e são usados ​​para reduzir o acúmulo de líquidos. Contudo, tenha em mente que tomar anti-inflamatórios não-esteroides, como ibuprofeno ou naproxeno sódico  e diuréticos, ao mesmo tempo, podem causar danos aos rins.
  • Exercícios aeróbicos. Alguns estudos também indicam que fazer exercícios aeróbicos regularmente ajudam a controlar a retenção de líquido. Ao mesmo tempo, praticar técnicas de relaxamento, como exercícios respiratórios, meditação, ioga e massagem, também funciona para o alívio.

QUAL O MELHOR REMÉDIO PARA RETENÇÃO DE LÍQUIDO

A melhor forma de tratamento para retenção de líquidos é trabalhar a prevenção. Contudo, existem remédios de farmácia para retenção de líquido que são bastante prescritos pelos médicos, como, por exemplo:

1. FUROSEMIDA

De acordo com a bula do furosemida fornecida pela Anvisa, é um medicamento diurético, intensificador da excreção de urina e sódio pelo organismo. De acordo com o geriatra Dr. Lucas Rampazza [2] a furosemida é um diurético utilizado principalmente em casos de edema. “O uso deve ser em horário conveniente ao paciente para que as idas ao banheiro não atrapalhem o seu dia-a-dia”, disse o médico.

Isso porque, ele vai fazer com que você urine muito mais vezes do que o normal. Ainda, segundo o médico, idealmente a furosemida deve ser tomada com o estômago vazio.

Atenção! A furosemida atravessa a barreira placentária, portanto, não deve ser administrada durante a gravidez a menos que estritamente indicada e por curtos períodos.

2. HIDROCLOROTIAZIDA

Hidroclorotiazida, é uma medicação comumente usada no tratamento da hipertensão e inchaço devido à acumulação de fluidos. Esta substância tem uma ação diurética, ou seja, aumenta a eliminação de líquidos do organismo através da urina.

De acordo com o cardiologista, Dr. Leandro Augusto Franco [3], como efeito colateral já conhecido pode causar aumento na glicemia (açúcar no sangue) e no colesterol.

No entanto, ele diz que em pacientes que estão em acompanhamento e com os exames dentro da normalidade, não há necessidade de se alterar a dose ou suspender o medicamento por esses motivos.

3. ESPIRONOLACTONA

Conforme a bula, a espironolactona é um diurético poupador de potássio que impede que o organismo absorva muito sal e previne que os niveis de potássio fiquem muito baixos. O que esse remédio para retenção de líquido faz é aumentar a excreção de  sódio e água, enquanto o potássio é retido.

Por causa disso, a espironolactona atua como diurético e como anti-hipertensivo por este mecanismo.

RETENÇÃO DE LÍQUIDO ENGORDA?

Engordar é ganhar gordura, ou seja, adquirir peso pelo acúmulo de células de gordura no corpo, portanto, ter retenção de líquidos não significa que a pessoa engordou e sim, ganhou peso. É fácil identificar a retenção de líquidos porque  pode haver um aumento no seu peso sem motivo aparente.

Por outro lado, pode haver inchaço ou inflamação em certas partes do corpo, como cintura, pernas e tornozelos. Embora nem sempre esteja relacionado ao excesso de peso, a obesidade também pode levar à retenção de líquidos.

Em suma, a retenção de líquido não engorda.

ANTICONCEPCIONAL CAUSA RETENÇÃO DE LÍQUIDO?

Sim, causa! O ginecologista e obstetra Dr. Antônio Stockler, disse que alguns hormônios podem provocar um aumento na retenção de líquidos, o que leva ao ganho de peso. Contudo, ele diz que nem todos os hormônios presentes nas pílulas possuem estas características.

Há, na verdade, algumas pílulas na qual as fórmulas ajudam a eliminar o inchaço, geralmente, provocado pelo período menstrual. Os anticoncepcionais que não engordam são aqueles que possuem drospirenona na fórmula. Estes costumam ser recomendados para mulheres que apresentam ou têm tendência a retenção de líquido de origem hormonal.

RETENÇÃO DE LÍQUIDOS NA GRAVIDEZ

Durante a gestação, o corpo produz cerca de 50% mais sangue e fluídos corporais para atendar às necessidades do bebê em desenvolvimento. Um estudo bastante antigo (1949) [4] já considerava a retenção de líquido uma condição normal na gravidez, é causada por esse volume excessivo de sangue e fluídos corporais.

As grávidas experimentam inchaço nas mãos, no rosto, pernas, tornozelos e pés, iniciando, principalmente, no quinto mês e piorando durante o terceiro trimestre. Com isso, os fluidos extras são responsáveis por cerca de 25% do peso que as mulheres ganham durante a gestação.

Atenção! Um inchaço leve e lento é esperado durante a gravidez; no entanto, se você tiver um inchaço repentino nas mãos e no rosto, pode ser um sinal de pré-eclampsia.

QUAIS OS ALIMENTOS QUE MAIS RETÉM LÍQUIDO NO CORPO?

Uma dieta rica em sódio se perpetua, principalmente, porque o sódio é um elemento que pode ser viciante. Vegetais, nozes e sementes simples, grãos integrais e outros alimentos com baixo teor de sódio geralmente parecem insossos ao nosso paladar.

Isso acontece, porque nosso paladar está acostumado a alimentos ricos em sódio. Praticamente, não tem para onde correr, pois, até mesmo as quantidades moderadas de sódio se acumulam rapidamente. Isso faz com que o pão, por exemplo, seja a principal fonte de sódio na dieta americana.

Outras fontes importantes incluem, ao mesmo tempo:

  • embutidos (presunto, salame, apresuntado, salsicha)
  • aves
  • sanduíches
  • sopas
  • pizza
  • queijo
  • lanches
  • fast food
  • refeições pré-embaladas
  • produtos enlatados
  • molhos prontos como Ketchup, mostarda, maionese, etc.

CONSIDERAÇÕES FINAIS

A retenção de líquidos ocorre quando o excesso de fluidos se acumula dentro das células e do corpo, levando a formação de edema (inchaço). Essa condição pode causar inchaço nas mãos, pés, tornozelos e pernas. Existem, portanto, várias razões pelas quais isso acontece, muitas delas não são consideradas graves.

Algumas mulheres, por exemplo, retém líquido durante a gravidez, ou antes, do período menstrual. As pessoas fisicamente inativas, como acamados ou sentados em viagens longas de avião, também podem ser afetadas.

MÉDICOS:  DR. LUCAS RAMPAZZA [2] DR. LEANDRO AUGUSTO FRANCO [3] ARTIGO MÉDICO-CIENTÍFICO: REVISTA LATINO-AMERICANA DE ENFERMAGEM [1],(1949) [4]

Atenção: O material neste site é fornecido apenas para fins educacionais, e não deve ser usado para conselhos médicos, diagnósticos ou tratamentos. 

Comentários (0) e Compartilhar

Ex-morador de rua que virou empresário só contrata desabrigados

Publicado em 19/03/2019 às 09h30

Drew Goodall, de 45 anos, é um empresário britânico de sucesso, ex-moradora de rua, que construiu uma pequena fortuna criando uma empresa especializada em engraxar sapatos. Mas nem sempre Drew viveu fases de bonança. Quando jovem, era um aspirante à ator que chegou a conhecer grandes figuras do cinema, como Hugh Grant e Brad Pitt. Seu sonho de infância era se tornar um ator mundialmente reconhecido. Quando se formou em Teatro, aos 20 anos, conseguiu os seus primeiros papéis em filmes como “Snatch” e “About a Boy”.

A carreira de ator ia progredindo a passos largos, até ele sofrer uma pesada crítica de um editor da mídia especializada, que o abalou profundamente. Drew perdeu o amor e o prazer em atuar, deixou de ganhar papéis no teatro e no cinema e, consequentemente, ficou sem dinheiro. Envergonhado de sua situação, não quis procurar os pais, nem familiares. Não queriam que soubessem que era um “fracassado”. Despejado do apartamento, Drew foi viver nas ruas. Foram seis longos meses em situação de rua, em pleno anos 1990, ele conta. “Eu costumava dormir em caixas de papelão do lado de fora da Academy of Performing Arts”.

Nessa época, passou a implorar por comida nas ruas, sofria agressões físicas a todo momento, perdeu peso, entrou em depressão.

Uma chance para recomeçar

De modo a ganhar algum dinheiro para se alimentar minimamente, Drew teve a ideia de começar a engraxar sapatos dos figurões que passavam pelas ruas de Londres. Apesar do trabalho honesto, vivia fugindo da polícia para não ser pego, uma vez que engraxar sapatos sem licença em espaços públicos é passível de multa no Reino Unido.

Foram outros seis meses trabalhando como engraxate autônomo, quando um de seus clientes ofereceu-lhe uma oportunidade de trabalho: polir os sapatos dos executivos de um escritório.

Nova ideia

Drew passou a ganhar um salário fixo, coberto pela legislação trabalhista. Subiu de nível. Voltou a ter um teto para dormir, a se alimentar bem e a progredir socialmente. Teve então outra ideia: abrir uma empresa – não uma qualquer, uma empresa especializada em engraxar sapatos, e a batizou de Sunshine Shoeshine. O empreendimento deu super certo: Drew fez parceria com dezenas de empresas de serviços de Londres, locais repletos de executivos que não abrem mão de terem um sapato bem polido.

O empresário ganha mais de US$ 300 mil por ano (cerca de R$ 1 milhão) e reverte boa parte dos seus lucros em doações para instituições filantrópicas.

Ele diz que nada daria certo se não tivesse a experiência e a humildade do tempo que passou nas ruas – uma época difícil, sofrida – uma longa caminhada até chegar onde chegou. Em sua empresa, Drew contratou 40 funcionários – todos eles viviam em situação de rua; desabrigados, desalentados. “Tudo é uma questão de oportunidades. Sem oportunidades, não há progresso de vida”, conclui.

Fonte: Razões para Acreditar

Categoria: Opinião
Comentários (0) e Compartilhar

Vídeo mostra como é feita a jujuba (bala de goma). Aguente firme!

Publicado em 14/03/2019 às 17h41

Aposto que você sempre quis saber como é feita a jujuba. Afinal, quem resiste a uma bala de goma docinha e pegajosa nos dentes? As cores brilhantes e chamativas, todo aquele açúcar e um sabor delicioso!

Os marshmallows então, fofinhos e doces. Jujubas, balas de goma, marshmallows, estão com os dias contados como seus doces preferidos.

Você sabe como eles são produzidos? Este vídeo abaixo mostra como é feita a jujuba (bala de goma). Então, segure seu coração e aguente firme!

Antes de contar como são processados, precisamos dizer que eles têm como base um ingrediente-chave na receita: a gelatina.

OS INGREDIENTES DA JUJUBA

Esse componente, que também é amplamente utilizado na indústria alimentícia, farmacêutica e em outras áreas quase sempre é obtido do colágeno, de fonte animal.

Contudo, nem tudo são flores na forma como é feita a jujuba. Afinal, o colágeno é obtido da fervura dos ossos, pele ou qualquer órgão contendo tecido conjuntivo de alguns animais, como porcos, vacas, cavalos e aves.

Com isso, antes de ser processada e virar uma massa incolor, sem sabor e inodora, a gelatina é proveniente de animais em abatedouros e curtumes.

Os processos que levam a obtenção da gelatina podem ser perturbadores, e vídeos sobre isso estão sendo divulgados recentemente.

COMPOSIÇÃO DA JUJUBA

O site de uma das marcas de jujubas mais famosas do mundo, a Haribo®, eles explicam do que é feito a jujuba:

  • Gelatina de origem animal como material de base;
  • Alguns produtos de gomas de fruta são produzidos com o auxílio de amidos ou de ágar-ágar ;
  • Corantes (no caso da Haribo® são naturais à base de concentrados de frutas e de plantas;
  • Os produtos combinados são: açúcar, xarope de açúcar castanho, gelatina, glucose, concentrados de frutas e de plantas e aromas, combinados com alcaçuz.

O VÍDEO MOSTRA COMO É FEITA A JUJUBA

JUJUBA FAZ MAL?

Mesmo com essa fama nada boa de fabricação, há quem diga que essas balinhas fazem bem para a saúde.

Afinal, sem adição de gorduras e açúcares, a jujuba é feita à base de colágeno hidrolisado. E, por isso, algumas marcas livre de açúcares podem ser consumidas por pessoas com sintomas de diabetes.

Esse tipo de proteína tem como função principal dar sustentação às células e fortalecer unhas e cabelos. Além disso, pode combater o envelhecimento precoce, a flacidez dos músculos e pele.

Então, para deixar o docinho ainda mais apetitoso e também atrativo, são adicionados aromas de frutas.

Atenção: O material neste site é fornecido apenas para fins educacionais, e não deve ser usado para conselhos médicos, diagnósticos ou tratamentos. 

Fonte: Diário de Biologia

 

 
Categoria: Animais, Saúde
Comentários (0) e Compartilhar

Em Macaé, (RJ) estudante cria óculos que detecta obstáculos e emite alertas para cegos

Publicado em 13/03/2019 às 09h36

Um estudante de Macaé, no estado do Rio de Janeiro, criou óculos com sensor ultrassônico, capazes de detectar obstáculos e facilitar a vida dos cegos. A ideia de Flávio Pires Viana, de 17 anos, para ajudar os deficientes visuais surgiu durante as aulas de mecatrônica.

Viana foi aprovado via Enem em engenharia em duas universidades públicas, mas quer mesmo é se tornar médico e virar oftalmologista. Ele considera a invenção simples: ele acoplou sensores de ré nos óculos, os mesmos usados em carros para estacionar, que emitem um som.

O projeto “Óculos sonar: tecnologia destinada aos deficientes visuais” foi fruto do trabalho de conclusão do curso de Mecatrônica da Educação Técnica do Instituto Nossa Senhora da Glória-INSG/Castelo. Os óculos produzem um sinal para um vibracall e para um buzzer (apito) fixado na armação, indicando a existência e a direção de qualquer objeto.

Para construir o protótipo, Viana gastou R$ 100 e reutilizou materiais que tinha em casa. Para o estudante, foi a possibilidade de unir duas paixões: a biologia e a mecatrônica.

O agricultor José Batista, de 67 anos, foi o primeiro a experimentar a invenção. Com problemas de visão desde os 35 anos, Batista parou de enxergar totalmente há um ano e meio depois de uma retinose pigmentar. O idoso muitas vezes acaba esbarrando em orelhões, relógios de energia elétrica e árvores.

Com o objetivo de testar o projeto e verificar a funcionalidade do aparelho, o estudante visitou a Associação Macaense de Apoio aos Cegos (Amac). Viana continua aperfeiçoando a sua criação. Ele diz que quer patentear os óculos e prosseguir estudando para entrar em uma faculdade de medicina e fazer a diferença no futuro dos deficientes visuais.

Fonte: G1

Categoria: Ciência
Comentários (0) e Compartilhar

Mãe amorosa cola frases de incentivo nos lápis de cor da filha em Jundiaí (SP)

Publicado em 12/03/2019 às 17h24

Inspirada por uma publicação na internet, Alessandra Teixeira decidiu etiquetar o material escolar da filha de um jeito diferente: ao invés de colocar apenas o nome de Thainá, ela encheu de frases amorosas e de incentivo os lápis e cadernos da filha.

“A minha intenção ao escrever as frases foi para que a Naná sempre se lembre de mim, mesmo quando eu estiver ausente. Que ela possa sempre se recordar dos valores que eu procuro passar para ela”, disse a amorosa de ‘Naná’.

Mãe e filha moram em Jundiaí, no interior do estado de São Paulo.

Entre as mensagens positivas, “cultive boas ideias”, “tenha calma”, “ajude os colegas”, “você é linda!”, “valorize sua professora” e “cuide bem da escola”, dentre muitas outras.

Thainá conta que se sentiu “muito amada por Deus e pela mamãe” ao receber os lápis decorados. Ela afirma com bastante sinceridade, típica das crianças, que as frases ainda não surtiram efeito em seus estudos. “Ainda não começaram a ajudar, porque a minha mãe fez há pouco tempo e eu não usei ainda”, revelou.

Incentivar e empoderar uma criança em seu ambiente de aprendizado é essencial para que ela possa se autoafirmar e sentir-se bem consigo mesma e com as pessoas ao seu redor, que compõem seu círculo social.

Mais: é com amor, carinho, educação e incentivo que podemos mudar o mundo para melhor, espalhando amor e gentilezas a todos. Parabéns à mãe de Thainá!

Fonte: Razão para Acreditar

Categoria: Opinião
Comentários (0) e Compartilhar

Serviço de assistência veterinária gratuita reinicia na área rural

Publicado em 12/03/2019 às 16h48

Prefeitura desenvolve programa com intuito de estimular produção leiteira na região

O serviço de Assistência Veterinária gratuita do programa ‘Muriaé Mais Leite’ reiniciou, nesta segunda-feira (11), e volta a auxiliar os pequenos produtores rurais do município. O benefício oferecido pela Prefeitura consiste em visitar o homem do campo e oferecer assessoria para o manejo reprodutivo, colaborando com o crescimento da qualidade leiteira na região.

O programa disponibiliza sete veterinários para atender a 220 produtores rurais cadastrados. Os profissionais prestam assistência clínica, reprodutiva (para incentivar a melhoria do gado e ampliar a produção leiteira), ensinam a aplicar as vacinas adequadas e a periodicidade com a qual elas devem ser utilizadas, mas também realizam pequenas cirurgias nos animais.

O atendimento é oferecido aos criadores que pertencem ao programa “Muriaé Mais Leite’. Para participar deste projeto, o pequeno produtor precisa procurar a Secretaria de Agricultura no prédio do Centro Administrativo, 2º andar ou a sede que fica localizada no Horto Florestal. O quesito básico para receber a assistência é estar dentro dos padrões que identifiquem a atividade como agricultura familiar (quando a mão de obra é essencialmente realizada por pessoas da mesma família).

Dentro do programa ‘Muriaé Mais Leite’, desde 2017, vem sendo realizado o Torneio Leiteiro Curraleiro. A competição está em sua terceira edição. Ela é realizada entre os participantes do programa que queiram mostrar a capacidade que o animal tem em produzir leite e aproveitam para destacar a qualidade do gado. Durante os torneios também existem os participantes do grupo ‘Amigos’ – proprietários que não pertencem à agricultura familiar, mas praticam a atividade de pecuária leiteira.

Torneio Curraleiro tem início em maio

Nesta competição, os participantes se inscrevem e, a cada semana, o evento acontece em uma propriedade.  São encontros para pesagens de leite. Quem tiver o animal que produza mais em um só dia, vence a disputa. O Torneio iniciará em maio.  

As pesagens acontecem durante quatro meses. Ao final dos encontros, os três primeiros colocados recebem uma premiação. O fechamento sempre ocorre no período da Exposição Agropecuária e Industrial de Muriaé.

“O objetivo é trazer para a nossa cidade o título de grande produtora leiteira da região, um troféu que carregamos por muitos e muitos anos. Gostaríamos de ter novamente um lugar de destaque. No ano de 2018, tivemos vacas que produziram mais de 60 litros de leite em apenas um dia. Um número bastante significativo. O torneio também é uma forma de mostrar a qualidade dos animais e um modo de incentivar a comercialização de bons reprodutores”, explicou o secretário de Agricultura de Muriaé, Manoel Carvalho.

Categoria: Animais
Comentários (0) e Compartilhar

Policial liberta cachorro preso em toldo e ganha ‘abraço’ como forma de agradecimento

Publicado em 08/03/2019 às 16h06

Por vezes os cachorros são capazes de fazer coisas que nem os próprios donos compreendem.

Um cãozinho que mora em San Felipe, na província de Valparaíso, Chile, acabou se enroscando numa espécie de toldo de tecidos, onde ficou praticamente pendurado por várias horas.

Seus donos não estavam em casa, e sem ajuda, começou a chorar para chamar a atenção dos vizinhos, que acionaram a polícia.

O segundo-tenente da polícia civil da comuna, Giovanni Domke, foi o responsável pelo atendimento do chamado. Ao chegar à residência, onde ouviu o cachorro chorando muito, ele pulou o muro e cortou o toldo que prendia o bichinho. Aliviado (e agradecido), o cachorro deu uma espécie de “abraço” no policial.

O momento foi gravado em vídeo e publicado no perfil oficial da polícia chilena no Twitter, onde rapidamente viralizou entre os internautas.

Com a legenda “Estamos onde mais precisam de nós. Policial resgata um cão que se prendeu em um toldo sozinho em uma casa”, o post já acumula quase meio milhão de visualizações e 11 mil curtidas na rede social.

Sobre o acontecimento, Giovanni comentou: “Eu não sabia como ia reagir. Mas ele me abraçou com muito carinho. Decidi corresponder ao abraço porque amo animais, especialmente filhotes,” relembrou o policial.

O cãozinho não se machucou no incidente e após o resgate, passa bem.

Fonte: Razões para Acreditar

Categoria: Animais, Opinião
Comentários (0) e Compartilhar

left show tsN fwR fsN|left fwR tsN|left show fwR tsN|bnull|||login news c05|fsN fwR normalcase c05 tsN|c05|login news fwR normalcase c05|tsN fwR c05 normalcase|normalcase fwR c05|content-inner||