Hemácias na urina: o que tem de errado comigo?

Publicado em 16/01/2019 às 10h05

Ter hemácias na urina é conhecido pelo termo técnico de hematúria. Mas, não é absolutamente normal.  Na maioria das vezes sua presença é geralmente um sinal de um problema de saúde subjacente. Daí, podemos então citar diversos tipos de infecções ou irritação dos tecidos do trato urinário. A hematúria, indica que há sangue ou pelo menos traços de sangue na urina.

Quando é possível perceber a olho nu que a urina está com sangue (cor avermelhada ou rosada), chamamos de hematúriamacroscópica. Ao mesmo tempo, quando a urina parece ter cor normal, mas as hemácias na urina podem ser vistas pelo microscópio, dizemos hematúria microscópica. Normalmente, um problema no trato urinário é confirmado apenas pelo exame laboratorial, ondem além das hemácias na urina, é possível detectar leucócitos na urina, bacteriúria e outros.

HEMÁCIAS NA URINA PODE SER NORMAL?

As hemácias geralmente não devem aparecer na urina, portanto, não há valores normais. Ao mesmo tempo, no caso das mulheres, colher urina para exame durante a menstruação pode resultar na presença de hemácias na urina. Nestes casos, então, a presença de hematúria não indica problema.

Durante a menstruação, a orientação é que, no momento da entrega da urina no laboratório, a mulher deve alertar para a situação. Alguns laboratórios, porém, já fazem um questionário perguntando para todas as mulheres em idade fértil, a data da última menstruação.

Segundo a Dra. Deborah Weatherspoon [1], enfermeira chefe no Hospital Universitário do Tenesse, outra situação que pode causar hematúria e não indica problema algum, é quando a pessoa tem relações sexuais na véspera da coleta de urina. Então, sabe-se que uma atividade sexual recente pode causar irritação dos tecidos ao redor do trato urinário.

HEMÁCIAS NA URINA: O QUE PODE SER?

Como já dito, hemácias na urina indica que há sangue no trato urinário. Portanto, há problemas com você, sejam eles infecções, doenças renais, câncer ou doenças raras do sangue. Vejamos abaixo, as doenças mais comuns que levam a hematúria.

INFECÇÕES DO TRATO URINÁRIO

A infecção urinária pode estar em algum ponto do sistema urinário, na bexiga ou nos rins. Acontece, normalmente, quando bactérias sobem a uretra, até alcançar a bexiga e os rins. Muitas vezes, os sintomas de infecção urinária incluem dor e necessidade de urinar com frequência. Isso, principalmente quando se trata de uma cistite, uma infecção na bexiga.

PEDRA NOS RINS

Outra razão comum para receber um resultado de exame com hemácias na urina é a pedras nos rins ou na bexiga. O sintoma de cálculo renal surge quando minerais cristalizados causam um bloqueio que muitas vezes resulta em hematúria e dor renalsignificativa. Dor nas costas, dor na barriga ou lateralmente são sintomas comuns. Ao mesmo tempo, ardor ao fazer xixi, pode ocorrer.

ALTERAÇÃO NA PRÓSTATA

Em homens de meia-idade e mais velhos, um resultado de exame com hemácias na urina pode indicar próstata aumentada. Dessa forma, quando a próstata fica maior comprime a uretra. Algumas vezes, a condição causa problemas para urinar e pode, inclusive, impedir que a bexiga se esvazie completamente. Como consequência, então, muitos homens acabam tendo uma infecção urinária com a presença de sangue na urina que é detectado no exame.

PROBLEMAS NOS RINS

Quando há um rim – ou os dois – doente ou inflamado, a urina pode vir com traços de sangue. No exame aparecerá hemácias na urina. Este tipo de problema, decerto, pode ocorrer sozinho ou como consequência de outra doença, como diabetes, por exemplo. Em crianças com idade entre 6 a 10 anos, o distúrbio renal chamado glomerulonefrite pós-estreptocócica pode, ao mesmo tempo, resultar em hemácias na urina.

MEDICAMENTOS

Alguns medicamentos também podem causar a presença de hemácias na urina. Exemplos incluem: diluentes de sangue, aspirina, alguns antibióticos. Assim, antes de entregar a urina no laboratório, avise a medicação em uso.

CAUSAS MENOS COMUNS

Existem algumas outras causas deste problema que não são muito comuns. Podemos citar, por exemplo:

  • anemia falciforme
  • síndrome de Alport
  • hemofilia
  • exercícios extenuantes
  • golpe nos rins
OPINIÃO MÉDICA: DRA. DEBORAH WEATHERSPOON [1]

Atenção: O material neste site é fornecido apenas para fins educacionais, e não deve ser usado para conselhos médicos, diagnósticos ou tratamentos. 

Fonte:Diário de Biologia 

Categoria: Ciência, Saúde
Tags: Biologia, Sangue na Urina

Enviar comentário

voltar para Biologando

left show tsN fwR fsN|left fwR tsN|left show fwR tsN|bnull|||login news c05|fsN fwR normalcase c05 tsN|c05|login news fwR normalcase c05|tsN fwR c05 normalcase|normalcase fwR c05|content-inner||