Por que se comemora o Dia da Mulher em 8 de março?

Publicado em 08/03/2019 às 08h24
 
Não tem nada a ver com ganhar flores ou ser homenageada com mensagens bonitinha. Conheça a história forte por trás do Dia da Mulher e do 8 de março.
 

No Dia da Mulher, é comum que flores e chocolates sejam distribuídos como forma de comemorar a data e de deixar o dia de alguma mulher mais especial. Mas, mesmo se tratando de um gesto super fofo, a verdade é que o Dia Internacional da Mulher tem um significado muito mais forte e está longo de ser uma data comercial.

Historicamente falando, o Dia da Mulher é marcado por lutas femininas a favor dos direitos do gênero ao redor do mundo. Uma das principais reivindicações que marcam essa data são com relação à jornada de trabalho exaustiva das mulheres nas fábricas têxteis europeias e americanas no início do século 20, ao direito ao voto e assim por diante.

Dia das Mulheres em outras datas

Aliás, nem sempre o Dia da Mulher foi comemorado no dia 8 de março, sabia? Alguns outros dias já foram escolhidos no calendário para comemorar a data, como o dia 25 de março.

Esse dia, conforme relatam, foi marco de fato histórico trágico: um incêndio em uma fábrica têxtil de Nova York, em 1911, devido às más condições de suas instalações, que acabou matando 130 operárias carbonizadas.

Por que em 8 de março?

Com o passar do tempo, no entanto, outros eventos relacionados às reivindicações femininas, além das lutas feministas, interferiram na escolha da data em que se comemoraria o Dia da Mulher internacionalmente.

A escolha do 8 de março, por exemplo, se deu depois de uma manifestação, na Rússia, contra o Czar Nicolau II, em 1917, ainda durante a Primeira Guerra Mundial. Estima-se que, na época, 80 mil mulheres se uniram em protesto contra as péssimas condições de trabalho do país, contra a fome que a maior parte da população enfrentava e contra a participação da Rússia no conflito armado.

O protesto, que ficou conhecido como Pão e Paz, acabou se tornando símbolo do Dia da Mulher depois de quatro anos. O mais interessante de tudo é que, na verdade, a manifestação havia acontecido no dia 23 de fevereiro na Rússia, o que equivale a 8 de março em nosso calendário, considerando que a antiga União Soviética adotava o calendário Juliano naqueles tempos.

Oficialização do Dia da Mulher

Como deu para perceber, o Dia da Mulher nessa data foi criado primeiro na Rússia. Somente em 1945, 20 anos depois que os russos já comemoravam esse marco histórico, que a ONU assinou o primeiro acordo internacional que garantia a igualdade entre homem e mulheres.

E a oficialização internacional de 8 de março como o Dia da Mulher ainda demorou mais alguns anos. Ele só foi reconhecido pela ONU em 1977.

Fonte: Área da Mulher

Categoria: Opinião
Tags: Dia da Mulher

Enviar comentário

voltar para Biologando

left show tsN fwR fsN|left fwR tsN|left show fwR tsN|bnull|||login news c05|fsN fwR normalcase c05 tsN|c05|login news fwR normalcase c05|tsN fwR c05 normalcase|normalcase fwR c05|content-inner||