Educação

Educação de Luto: Morre o professor Luiz Gonzaga da Silva

Publicado em 28/09/2018 às 16h14

A Educação de Muriaé sofreu um golpe nesta sexta-feira (28).

Morreu hoje pela manhã o Professor Luiz Gonzaga da Silva (76 anos), vítima de infarto.

Em Muriaé desde o início da década de 60, chegou por volta de 1963,  Professor Luiz Gonzaga é natural de Guarani (MG), trabalhava no ensino superior como professor do curso de letras e magistério da Faculdade Santa Marcelina (FASM) e completaria em breve 50 anos na educação.

Luz Gonzaga deixa a viúva, Dona Joana, três filhos, Otávio, Leonardo e Juliana e mais cinco netos.

A direção da Faculdade Santa Marcelina declara uma profunda tristeza pela sua morte. As aulas desta sexta-feira foram suspensas.

O corpo está sendo velado na Capela velório Senhor d Bonfim e o sepultamento será neste sábado, às 9 horas.

Categoria: Muriaé
Comentários (0) e Compartilhar

Prefeitura adquire novas carteiras escolares

Publicado em 21/09/2018 às 17h03

O objetivo é proporcionar mais conforto para alunos e professores muriaeenses durante as aulas; 21 escolas do Ensino Fundamental serão contempladas

A Prefeitura de Muriaé adquiriu 2.491 carteiras escolares através do Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação (FNDE),por meio do Plano de Ações Articuladas (PAR). Ao todo, 21 escolas do Ensino Fundamental da rede municipal de Educação serão contempladas. Os novos conjuntos de cadeiras e mesas, que totalizam aproximadamente 5 mil unidades, substituem os antigos mobiliários escolares, tanto da área urbana quanto da área rural de Muriaé.

De acordo com a Secretaria Municipal de Educação, Esporte e Lazer, estas carteiras escolares são um importante suporte no processo de apoio ao ensino, proporcionando melhores condições de trabalho para os professores e mais conforto para os alunos durante as aulas, contribuindo, assim, para a melhoria da qualidade do ensino e aprendizagem e gerando influência positiva no rendimento dos alunos.

 

Categoria: Muriaé
Comentários (0) e Compartilhar

Alunos de Macuco realizam “Show de Talentos” na E. E. Capitão Roberto José Ferreira

Publicado em 04/09/2018 às 15h27

Cumprindo mais um sábado letivo, no último dia 01, professores e alunos da Escola Estadual Capitão Roberto José Ferreira, no distrito de Macuco, organizaram um show de Talentos, onde puderam participar de diversas apresentações, cuja avaliação passaram pelo crivo de uma equipe de servidores da própria escola.

O evento, realizado no turno da manhã, levou muita alegria e descontração ao ambiente escolar, além de servir como um fator multiplicador do espírito de amizade entre os alunos.

Categoria: Muriaé, Projetos
Comentários (0) e Compartilhar

Escola investe em ensino sem paredes e novas formas de aprendizado

Publicado em 04/09/2018 às 15h17

A Avidus School quer contribuir para formar cidadãos com pensamento mais crítico, coletivo e consciente, com unidade moderna e ecológica na Asa Norte

Formar cidadãos preparados para o futuro e engajados com formas colaborativas de trabalho e convivência, entender de maneira ativa a integração entre meio urbano e ecologia. São estes alguns dos principais pontos que permeiam a criação da Avidus School, que chega a Brasília para trazer um aprendizado mais dinâmico e atual para a cidade. As matrículas abrem no dia 17 de setembro.

A escola está sendo erguida na quadra 909 da Asa Norte e será bilíngue, além de contar com as práticas pedagógicas mais atuais. O primeiro ano letivo será em 2019 e os alunos fundadores devem deixar sua marca no local, além de ganharem benefícios enquanto estiverem na escola.

Na Avidus o professor funciona como um intermediador do conhecimento, direcionando cada estudante dentro de suas aptidões. O aluno é protagonista de seu próprio aprendizado através de uma pedagogia ativa, que o transforma em criador da própria experiência. "Isso permite que as crianças cresçam de maneira mais preparada. As avaliações serão mais reflexivas, indo além dos métodos para decorar informação. Os pequenos terão uma grade curricular personalizada e adaptável", completa.

Para enriquecer ainda mais o aprendizado a escola criou a Avidus Personal Plan (APP), focada no acompanhamento pessoal de cada aluno e família. A ideia é que os pais recebam formação para ajudar no desenvolvimento escolar dos filhos, participem de eventos e workshops. Além disso, será traçado um plano de ação específico para envolver as famílias e os educadores."O objetivo é trabalhar, em uma parceria ativa com as famílias, com os métodos com os quais o aluno aprende melhor, para que ele desenvolva todo o seu potencial", afirma Thais Almeida, diretora pedagógica da escola.

Educação para o futuro

"O método desperta a curiosidade, a criação e a colaboração entre os indivíduos. Pensamos no mercado de trabalho atual, nas novas possibilidades de trabalho e uma mente pronta para o empreendedorismo", afirma Márcio Lobo, um dos percursores do projeto. A ideia é que os alunos trabalhem diretamente com instituições, participando desde a mais tenra idade das possibilidades do empreendedorismo social.

A escola abre suas portas para crianças de 1 ano e 6 meses até 06 anos de idade. Todos os corredores e espaços de aprendizado são abertos, incentivando a livre circulação e curiosidade constate de cada criança. Além disso, a participação do núcleo familiar será de grande importância, com acompanhamento pessoal e planos de ação criados junto à família dos alunos. A ideia é crescer coletivamente.

A inspiração vem do método de ensino de países como a Finlândia, que investe em um aprendizado que coloque os alunos em contato direto com a liberdade e a natureza. A ideia é que o espaço de educação não se preocupe apenas com o sistema de ensino, mas com o espaço de vivência dos alunos.

Arquitetura inovadora e integração com a natureza

O premiado arquiteto Ivo Mareines, inspirado nesses conceitos, criou uma fachada moderna e sustentável, em parceria com o sócio e co-autor, Matthieu Van. A arquitetura da escola estará integrada com a natureza, mostrando aos alunos que é possível encontrar uma convivência harmônica entre o meio-ambiente e as grandes cidades. Ivo Mareines, responsável pelo projeto arquitetônico, lembra que a ideia principal é permitir uma nova qualidade de conforto ambiental, com fachadas vivas, que se transformam no espaço e no tempo assim como os alunos.

"Criamos uma segunda pele orgânica no edifício. Vivemos, trabalhamos e nos divertimos em espaços naturais ou construídos pelo homem. As crianças aprendem principalmente por exemplos vindos do convívio com outros seres e esses dois tipos de espaço", destaca o arquiteto. A ideia é transformar a escola em um local de encontros e desenvolvimento em espaços livres e instigantes.

Categoria: Brasil
Comentários (0) e Compartilhar

Dia do Muriaeense terá salto de paraquedistas do Exército

Publicado em 31/08/2018 às 16h22

Evento inédito promovido pela Prefeitura e Exército tem objetivo de parabenizar muriaeenses pela data; salto acontecerá quinta-feira, às 14h, no Rodrigão

 

Em comemoração ao Dia do Muriaeense, os paraquedistas do Exército farão, pela primeira vez em Muriaé, um salto na próxima quinta-feira (6), às 14h, no campo do Ginásio Poliesportivo Rodrigo Flores de Abreu “Rodrigão”. Promovida pela Prefeitura, em parceria com o Exército Brasileiro, a iniciativa inédita tem o objetivo de parabenizar os muriaeenses pela data, proporcionando ao público um espetáculo no céu.                    

O salto contará com a participação de onze militares da equipe Os Cometas, pertencente ao Comando da Brigada de Infantaria Paraquedista do Rio de Janeiro, sendo dez paraquedistas e um piloto.

A Prefeitura e o Exército convidam todos os muriaeenses e pessoas da região para assistirem ao salto. A entrada é gratuita. Haverá ainda atrações para as crianças, como pula-pula e distribuição de pipoca, algodão-doce e picolé.

 

Serviço

Salto de paraquedistas do Exército:

Data: 6 de setembro (quinta-feira)

Horário: 14h

Local: campo do Ginásio Poliesportivo Rodrigo Flores de Abreu “Rodrigão”

Haverá atrações para as crianças, como pula-pula e distribuição de pipoca, algodão-doce e picolé

Entrada gratuita

Foto: Arquivo Exército/Os Cometas

 

Categoria: Muriaé
Comentários (0) e Compartilhar

Profissionais da Educação participam de palestra com renomado especialista em didática

Publicado em 31/08/2018 às 15h55

Evento promovido pela FASM com apoio da Prefeitura reuniu centenas de pessoas; objetivo foi oferecer novos conhecimentos para aprimorar ensino oferecido aos alunos

Diretores, pedagogos e professores do Ensino Fundamental I e do 6º ao 9º ano das disciplinas de Matemática e Ciências da rede municipal de ensino estiveram presentes na palestra “A construção interativa do conhecimento em busca do desenvolvimento das competências matemáticas”, ministrada pelo renomado professor Vasco Moretto. Promovido pela Faculdade Santa Marcelina (FASM) com apoio da Prefeitura, o evento aconteceu na noite de quarta-feira (29), no anfiteatro do Colégio Santa Marcelina. A ação discutiu sobre novas mudanças na educação brasileira, a fim de aprimorar o ensino oferecido aos alunos.

Com 58 anos de profissão, o professor Vasco Moretto é licenciado em Física, mestre em Didática das Ciências pela Universidade Laval, Canadá, especialista em Avaliação Institucional pela Universidade Católica de Brasília e autor de diversos livros. Sua palestra está inserida na programação do IV Simpósio Regional de Pedagogia “Uma nova visão de Educação e a BNCC”, realizado pela FASM.  “O objetivo desse encontro foi conversar com os professores sobre o novo modelo da educação brasileira, a fim de melhorar o nível de aprendizado. Queremos professores competentes para formar alunos competentes, e buscar esta competência é a meta de cada professor”, diz.

Cerca de 230 profissionais da Secretaria Municipal de Educação, Esporte e Lazer participaram da palestra. “Todo conhecimento adquirido agrega valor ao nosso trabalho em sala de aula, principalmente essa forma de trabalhar interagindo conteúdos. Percebemos que muitos alunos têm dificuldade em matemática, por isso a palestra foi importante, pois nos apresentou dicas para facilitar o desenvolvimento e aprendizado dos alunos nesta disciplina”, conta a professora Kênia Garbelini.

 

Categoria: Muriaé
Comentários (0) e Compartilhar

Prefeitura assina contrato para construção de nova escola em Vermelho

Publicado em 31/08/2018 às 15h15
Obra será destinada a crianças do Nova Muriaé e do Vermelho II; objetivo é oferecer mais conforto e segurança para estudantes
 
Os residenciais Nova Muriaé e Vermelho II, situados no distrito do Vermelho, vão ganhar em breve com uma escola. O contrato para a construção da nova unidade foi assinado na última terça-feira, na agência central da Caixa em Muriaé. Além de mais conforto, o objetivo da Prefeitura é oferecer segurança para as crianças de ambas as comunidades, evitando que precisem atravessar a rodovia para chegarem à sala de aula.
 
A escola será construída em área localizada entre os dois conjuntos habitacionais. A primeira etapa dos trabalhos consiste no serviço de terraplenagem, com o nivelamento do terreno para que as obras de fundação sejam iniciadas. Em seguida, paralelamente à construção, o Demsur realizará a infraestrutura, com a instalação das redes de água, esgoto e drenagem pluvial. A previsão é que todas as atividades sejam concluídas em até 12 meses.
 
A construção da nova escola é uma das necessidades para que o residencial Vermelho II seja inaugurado sem sobrecarregar os serviços oferecidos no distrito. O conjunto é formado por 563 casas, o que significa que o local deverá ganhar mais de 2 mil novos habitantes quando as chaves forem entregues. Os números são ainda mais significativos quando somados aos do Nova Muriaé, que já conta com cerca de 1.200 moradores.
 
Nesse sentido, vale lembrar que a Prefeitura já deu início a outras obras para garantir a qualidade dos serviços. Entre elas, está a construção da nova estação de tratamento de esgoto, que será capaz de ampliar a capacidade de saneamento para toda a rede sanitária do distrito. Outra iniciativa em desenvolvimento é o Centro de Iniciação ao Esporte, que já caminha para entrar na fase de conclusão e irá ajudar a descobrir novos talentos em diversas modalidades esportivas.
Categoria: Muriaé
Comentários (0) e Compartilhar

Muriaeenses se apresentam durante encontro educacional em BH

Publicado em 28/08/2018 às 17h05

Grupo Força da Raça e crianças e adolescentes do SCFV da Prefeitura participaram de evento na Assembleia Legislativa

Integrantes do grupo muriaeense Força da Raça e crianças e adolescentes do Serviço de Convivência e Fortalecimento de Vínculos do Santa Terezinha e distrito de Vermelho, serviço da Prefeitura de Muriaé, participaram do Encontro de Educadores e Gestores de Minas Gerais, realizado na última sexta-feira (24), na Assembleia Legislativa, em Belo Horizonte. Eles puderam apresentar o trabalho desenvolvido nos Centros de Referência de Assistência Social (CRAS) da cidade, onde as oficinas acontecem.

Criado em 2013, o “Força da Raça” surgiu como continuidade ao trabalho desenvolvido pelo Grupo Folclórico Santa Terezinha (GFST). Como as atividades e apresentações do GFST geralmente acontecem entre junho e agosto, os integrantes ficavam com tempo ocioso enquanto aguardavam o retorno dos ensaios. Já o Serviço de Convivência e Fortalecimento de Vínculos funciona nos CRAS, oferecendo a crianças e jovens diversas atividades esportivas e culturais de forma gratuita.

Após a apresentação, eles receberam aplausos e convites de outras cinco cidades, além da Assembleia para outra atividade em novembro. Para a coordenadora do grupo, Shirley Melo, a participação no encontro, que contou com apoio da Prefeitura, foi uma oportunidade de mostrar as ações realizadas em Muriaé, levando cidadania às crianças e adolescentes do Serviço de Convivência e do “Força da Raça”.

Categoria: Minas Gerais, Muriaé
Comentários (0) e Compartilhar

Professora de Escola de Macuco investe em projeto de leitura para melhorar aprendizado dos alunos

Publicado em 28/08/2018 às 16h09

A professora Sônia Demarque aplica com seus alunos do ensino fundamental na Escola Estadual Capitão Roberto José Ferreira, no distrito de Macuco, um projeto de desenvolvimento da capacidade cognitiva através da leitura, teatro e da música.

A professora trabalha o projeto, com culminância prevista para o mês de setembro, que consiste no incentivo à participação dos seus alunos em atividades individuais e coletivas, tais como, teatro, música, Contação de histórias, entre outras.

Para a educadora, o projeto vem surtindo efeito positivo e recebe apoio da direção da escola. “Cada história   contada, é uma conversa, onde procuro levá-los a refletir sobre o tema e assim trabalhar os valores. O projeto está em andamento, previsto o término para o final de setembro”, explica.

Além de dedicação em sala de aula e atividades extraclasse, a professora também investe seu tempo em casa na produção dos temas a serem trabalhados. “O que me deixa feliz é ver a felicidade estampada no rosto de cada um deles”, afirma.

Entre os livros já trabalhados está “A Pipa e Flor” de Rubens Alves.

 

Categoria: Muriaé
Comentários (0) e Compartilhar

left show tsN fwR fsN|left fwR tsN|left show fwR tsN|bnull|||login news c05|fsN fwR normalcase c05 tsN|c05|login news fwR normalcase c05|tsN fwR c05 normalcase|normalcase fwR c05|content-inner||